Young Business Talent coloca frente a frente 75 equipas de todo o país

8184
0
Share:

A primeira edição do Young Business Talent Portugal está a entrar na sua fase decisiva, com 225 equipas a competir nos quartos-de-final deste concurso, cuja final está marcada para o próximo dia 15 de Março, na Escola dos Salesianos, em Lisboa. O total dos prémios a atribuir no final desta edição, que colocará frente a frente 75 equipas, ascende a 14.050 euros.

Dos mais de 1500 alunos inscritos, continuam em prova cerca de mil alunos que, orientados pelos respectivos professores, têm o desafio de definir e gerir estratégias empresariais em áreas como as finanças, a economia ou os recursos humanos, tomando decisões e competindo por um total de prémios que ultrapassa os 14 mil euros.

O concurso arrancou em Novembro de 2013 com 441 equipas, constituídas por alunos oriundos de Norte a Sul do país e também das regiões autónomas da Madeira e dos Açores.

Organizado pela NIVEA e pela Book-it, e implementado pela PRAXIS Portugal, a edição portuguesa do Young Business Talents conta com o apoio da Secretaria de Estado do Ensino Básico e Secundário e da Secretaria de Estado do Desporto e Juventude. Para além dos alunos, a iniciativa incentiva também a classe docente. “No YBT é dada a oportunidade para que todos os professores possam utilizar esta ferramenta de gestão na sala de aula, uma vez que, através do simulador, podem fazer a ponte da parte teórica da gestão para a parte prática”, explica José Diogo Soveral, director-geral da Praxis Portugal.

Com capacidade para processar 113 decisões por operação, o simulador tem permitido aos estudantes gerirem a sua empresa virtual. “Os alunos vestem a pele de gestor de topo e são responsáveis pela gestão da empresa em todas as suas variáveis, como a produção, logística, finanças, marketing e recursos humanos. Os alunos têm a seu cargo todas as decisões, desde as mais estratégicas, como o posicionamento das suas marcas, os investimentos em imobilizado, até às mais táticas, como promoção de vendas e planos de meios, entre outras. Os resultados são sempre apresentados em forma de balanço e relatório de vendas, como acontece na realidade”, avança Diogo Soveral.


Share:
Patricia Fonseca

Deixe o seu comentário