Xerox combate contrafação de consumíveis e peças

7568
0
Share:

Num esforço contínuo para proteger os clientes face a consumíveis e produtos contrafeitos, a Xerox acompanhou de perto as recentes inspecções realizadas pela The Imaging Supplies Coalition na China e no Dubai.

Essas inspeções resultaram na apreensão de mais de 55.000 caixas de consumíveis contrafeitos, bem como de peças para vários equipamentos Xerox.

Os produtos agora apreendidos destinavam-se a distribuição nos Estados Unidos da América, Alemanha, Holanda, Turquia, Rússia, Brasil e outros países da América do Sul.

De acordo com a The Imaging Supplies Coalition, o impacto estimado de contrafação na indústria de consumíveis ascende a mais de 3 mil milhões de dólares por ano em todo o mundo. Na qualidade de membro da Coalition, a Xerox promove o esforço de combate às atividades ilegais nesta indústria.

“A produção de produtos contrafeitos não é apenas um problema para os fabricantes. Estas actividades ilegais têm impacto nos próprios estados que perdem impostos com a produção de produtos de fraca qualidade.” Afirma José Esfola, Director de Marketing da Xerox Portugal.

“Por outro lado, os clientes que pensam estar a reduzir custos ao comprar artigos contrafeitos, estão em vez disso a colocar em risco a segurança do seu equipamento e a qualidade de produção dos seus documentos.”

Como evitar produtos contrafeitos

Os clientes devem procurar as etiquetas de autenticação como forma de se salvaguardarem contra produtos contrafeitos. Os produtos Xerox, por exemplo, possuem uma etiqueta holográfica de segurança com um código de barras e número de série exclusivo. Se as etiquetas forem adulteradas ou removidas e os compradores que se derem conta disso devem informar a Xerox ou as autoridades competentes.


Share:
Patricia Fonseca

Deixe o seu comentário