Vodafone UK escolhe tecnologia da Ericsson para modernizar rede de Londres

12672
0
Share:

A Vodafone UK foi selecionada pela Ericsson para melhorar as suas redes 4G em Londres e no sul de Inglaterra com recurso a tecnologias como Massive MIMO e Carrier Aggregation, que ajudam a garantir mais capacidade e um melhor desempenho para o utilizador final.

A tecnologia Massive MIMO usa conjuntos de antenas avançados para melhorar a qualidade dos sinais de rádio e a capacidade. A tecnologia Carrier Aggregation combina diferentes redes móveis para aumentar a capacidade e o débito de dados para o utilizador.

Este acordo contempla testes de tecnologia, validação de produto e implementação comercial, bem como serviços profissionais.

Jorge Fernandes, Diretor de Tecnologia da Vodafone UK, refere: “Estamos continuamente a melhorar a nossa rede para otimizarmos o desempenho e oferecermos aos nossos clientes e melhor experiência possível. Vamos continuar a expandir a nossa rede 4G e a desenvolver mais e melhores capacidades para os nossos clientes. Esperamos poder continuar a trabalhar com a Ericsson para conseguirmos atingir os nossos objetivos.”

Arun Bansal, Diretor para a Europa e América Latina na Ericsson, diz: “Estamos a trabalhar com a Vodafone UK para melhorarmos a sua rede 4G e testarmos as novas tecnologias 5G. Juntos vamos permitir uma conectividade ubíqua para os seus utilizadores que irá permitir e promover não só novas experiências, mas também a monitorização e o controlo da IoT em
tempo real.”

A Ericsson e a Vodafone assinaram também um memorando de entendimento que irá contemplar as seguintes áreas de colaboração:

  • Evolução 4G, rádio 5G standalone e non-standalone;
  • cenários de implementação local da tecnologia 5G;
  • simulações NR: 3.5 GHz e mmWave;
  • cenários de utilização 5G: casos em estudo empresariais e prova de conceito;
  • cloud distribuída e prova de conceito de rede de múltiplas configurações: latência ponto a ponta e aplicações de rede otimizadas para a cloud;
  • colaboração com o Kings’ College de Londres;
  • inovação 5G: Programa de Incubação de Tecnologia.

Share:
Patricia Fonseca

Deixe o seu comentário