18236 0

Startup portuguesa Talkdesk angaria 15 milhões de euros em nova ronda de investimento

A startup portuguesa Talkdesk acaba de anunciar a angariação de uma nova ronda de investimento no valor de 15 milhões de dólares (cerca de 13,2 milhões de euros) junto de investidores internacionais. Este investimento servirá para apoiar a expansão da Talkdesk, numa altura em que a empresa se prepara para contratar mais 100 colaboradores em Portugal.

Este investimento foi liderado pela empresa de capital de risco, DFJ (que detém participação em empresas como Skype; Twitter e Tumblr), cujo Partner, Josh Stein, passou também a integrar o conselho de administração da Talkdesk. O capital será usado para expandir a sua equipa de produto, design e engenharia, bem como para expandir as suas funcionalidades de marketing e apoio ao cliente, de forma global.

A startup portuguesa foi fundada em 2011 por Tiago Paiva e Cristina Fonseca, ambos ex-alunos do curso de Engenharia de Telecomunicações e Informática do Instituto Superior Técnico (IST). Desde então, a equipa não tem parado de crescer, tendo passado de uma equipa de seis para 70 pessoas, entre Portugal e os EUA. Neste momento, já estão a operar em mais de 50 países, com uma carteira de cerca de 2000 clientes, entre os quais empresas como a Chevrolet, Fitbit ou Dropbox.

“A maioria das soluções de call-center baseadas na cloud não disponibilizam as funcionalidades necessárias às empresas para cumprir as crescentes expetativas de serviço. Desenvolvemos a Talkdesk para responder às necessidades deste mercado que vale cerca de 20 mil milhões de dólares. Conseguimos isto ao tornar simples para as empresas o desenvolvimento de uma solução robusta de call-center baseada na cloud que disponibiliza informação de contexto sobre os seus clientes, sem a complexidade ou custo associado a uma implementação tradicional.”, explicam Tiago e Cristina, os fundadores do projeto.

Atualmente, a empresa encontra-se em processo de recrutamento em Portugal. A Talkdesk procura sobretudo Engenheiros, mas também profissionais das áreas de Web Design e Suporte ao Cliente. Em comum todos os candidatos devem ter experiência e espírito empreendedor para integrar uma equipa que os fundadores já consideram ser de excelência.

A Talkdesk é uma plataforma que permite a qualquer cliente criar um call center na cloud  eliminando o overhead dos tradicionais call centers. Em menos de 5 minutos uma empresa  pode  começar  a  responder  a  chamadas  telefónicas  usando  apenas  o  computador,  sem custos iniciais nem contratos de longo prazo. Para além disso, o Talkdesk é integrável com os sistemas  que as empresas usam atualmente (CRM, Email, Bases de dados) e permite à pessoa que atende a chamada ter uma visão de 360º do cliente que está a ligar. A solução traz vantagens competitivas ao nível de custos de implementação e é altamente escalável.


Patricia Fonseca

Patricia Fonseca

Viciada em tecnologia, entrou para a equipa em 2012 e é responsável pela Leak Business, função que acumula com a de editora da Leak. Não dispensa o telemóvel nem o iPod e não consegue ficar sem experimentar nenhum dispositivo tecnológico.

Notícias Relacionadas

Universidade Lusófona promove formação avançada em sistemas pervasivos e novos media

A Escola de Verão ULOOP/NEMPS 2013 é um evento organizado pela Universidade Lusófona/SITILABS em parceria com o consórcio do projecto Europeu ULOOP (User-centric Wireless Local Loop). A decorrer

Fujitsu aumenta capacidade de armazenamento dos sistemas de informação do IPO

A Fujitsu foi a empresa escolhida pelo Instituto Português de Oncologia, Francisco Gentil (IPO) para assegurar a reestruturação da sua plataforma de armazenamento de dados, garantindo ainda uma

Lexmark é líder de Managed Printed Services no Quadrante Mágico de 2013

A Lexmark anunciou que voltou a ser eleita empresa líder pela conceituada consultora Gartner, Inc. no seu relatório “Magic Quadrant: Managed Print Services Worldwide”. Neste relatório do Quadrante

Gfi Portugal lança soluções Cloud Fabric

Segundo a IDC, o investimento em cloud irá crescer anualmente 27,6 por cento até 2015, somando mundialmente um investimento superior a 70 mil milhões de dólares. Este foi

Dê a sua opinião:

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *