Software de gestão Sendys acompanha nova etapa das alterações da lei

9328
0
Share:

A tecnológica portuguesa Sendys adaptou o software de modo a que os clientes respeitem as alterações impostas pela nova fase do programa de faturação eletrónica, em vigor desde o dia 1 de julho. O novo programa exige que todas as empresas com volume de negócios anual acima dos 100 mil euros comuniquem a informação contida nas guias de transporte que acompanham as mercadorias, de forma eletrónica, à Autoridade Tributária – AT.

O novo sistema de guias de transporte está já a produzir resultados, sendo que, segundo os últimos dados da administração fiscal, o número médio de comunicações ascende a 180 mil por dia, com mais de 100 mil empresas a utilizarem o sistema eletrónico de comunicação. Mais de 856 mil documentos de transporte foram introduzidos através do sistema informático que liga a administração fiscal e as empresas.  

“Na Sendys mantemo-nos atentos a qualquer alteração que possa surgir e uma das nossas principais preocupações é precisamente cumprir as normas com rigor. Atualizámos o software de todos os clientes com atenção e exatidão, até ao momento não tivemos problemas com os novos updates, contudo, estamos cá para resolver eventuais situações que surjam. Neste momento, estamos a receber dos nossos clientes inputs sobre as novas alterações”, refere o managing partner da Sendys, Fernando Amaral.

Estão excluídas da obrigatoriedade de software certificado as empresas que tenham emitido, no período de tributação anterior, um número de faturas, documentos equivalentes ou talões de venda inferior a mil unidades.


Share:

Deixe o seu comentário