Schneider Electric reconhecida pela Gartner pela sua liderança em Sistemas de Gestão Avançada de Distribuição

35640
0
Share:

Os Sistemas de Gestão Avançada de Distribuição são plataformas abrangentes de gestão de rede para a distribuição de energia elétrica e fornecem inúmeras capacidades para os operadores de sistemas, tais como monitorização e controlo, análise de desempenho da rede, gestão de incidentes e planeamento de manutenção. Estes sistemas são fundamentais para as estratégias dos distribuidores de energia elétrica, tanto para melhorar a fiabilidade e resiliência da rede, como para otimizar a gestão de ativos e operações da rede, e reduzir os custos do sistema e o investimento de capital.

Pelo quarto ano consecutivo, a Schneider Electric, especialista global em gestão de energia e automação, foi reconhecida como Líder em sistemas ADMS pela Gartner, Inc. no seu relatório Quadrante Mágico para Sistemas de Gestão Avançada de Distribuição1. E, pelo terceiro ano consecutivo, a empresa também obteve a maior pontuação no relatório relativo ao acompanhamento de Funcionalidades Críticas para a Sistemas de Gestão Avançada de Distribuição em cada um dos três casos de utilização mensurados pela Gartner: Melhoria na resposta em caso de Interrupção, Otimização da Operação da Rede e Gestão de Impactos DER2.

Estou muito orgulhoso dos profissionais talentosos cuja experiência, dedicação e compromisso incessante com a inovação, tornaram possível o reconhecimento da Gartner,” disse Frédéric Abbal, Vice Presidente Executivo de Energy Business da Schneider Electric. ”Acreditamos que esta distinção como líderes em ADMS é mais uma vez o reflexo tangível da nossa procura constante por aquilo que a digitalização pode realmente concretizar, neste caso em relação à eficiência da rede e otimização de ativos para utilities de distribuição.”

O EcoStruxure ADMS da Schneider Electric é utilizado por 75 empresas de utilities que fornecem 70 milhões de clientes em todo o mundo. Nos últimos 12 meses, a Schneider assinou 12 novos contratos de ADMS, acrescentando oito milhões de pontos de consumo à sua base acumulada de consumidores finais. A maior instalação é a Enel, com 31.500 pontos de distribuição e 31 milhões de pontos de consumo.


Share:
Patricia Fonseca

Deixe o seu comentário