Saphety apoia projeto SOS Pobreza

12760
0
Share:

A Saphety tornou-se parceira do SOS Pobreza, a primeira marca nacional de solidariedade lançada pela AMI (Assistência Médica Internacional). O objetivo da parceria consiste em otimizar os processos internos dos recursos humanos envolvidos neste novo projeto inovador da fundação.

Apesar de ainda contar com uma estrutura reduzida de recursos humanos, o SOS Pobreza sentiu a necessidade de controlar os processos administrativos. Para facilitar essa tarefa, adotaram o software de faturação eletrónica SaphetyDoc, de modo a evitar erros, simplificar o envio de segundas vias dado o extravio das primeiras, conseguir uma maior rapidez no processamento de encomendas e aperfeiçoar o controlo sobre vendas e produtos alimentares em stock.

A organização nestes projetos é uma das necessidades primordiais para a sua evolução, como explica José Salgado, Gerente do SOS Pobreza: “Num projeto deste género é essencial que nada falhe na nossa organização. Esperamos ter muito sucesso com esta iniciativa mas para isso temos de ser acompanhados pelos melhores profissionais e pelos melhores serviços e aqui não hesitámos em trabalhar com a Saphety que se revelou a melhor solução para o que desejávamos”.

A implementação do SaphetyDoc trará grandes vantagens ao SOS Pobreza como explica o Sales Director da Saphety, Pedro Bação: “O facto de a nossa solução ser totalmente integrada com o software PHC permite um aumento significativo na produtividade e eficiência dos recursos da empresa, o que será certamente uma mais-valia para a organização da SOS Pobreza”.

A iniciativa da AMI tem como primeiro objetivo disponibilizar ao consumidor uma gama de 30 produtos nacionais (arroz, refrigerantes, água, papel higiénico, guardanapos, rolos de cozinha, óleo, azeite, farinha, frutas e legumes), com um preço justo, revertendo os lucros das vendas a favor dos beneficiários dos projetos sociais da AMI em Portugal.

O segundo objetivo está relacionado com o desenvolvimento da Economia Nacional, visto que só apostando na produção portuguesa, conseguiremos criar novos postos de trabalho, contribuir para o desenvolvimento e riqueza nacionais, aumentar as receitas públicas, essencial para a redução do défice estatal e contribuir para o bem-estar social de todos os portugueses. Por esta razão os parceiros do SOS Pobreza, são Portugueses, como é o caso da Outeirinho, Cidacel, Orivárzea, Moagens Pitorro, Nova Coelhos, Campotec, Horta Pronta, Frusoal e Frutalgoz ao nível da produção da gama de produtos. Mas também ao nível dos serviços, tal é cumprido, como são exemplos da Prata Design, Bluesphere, PHC, TMN, Montepio Geral e agora a Saphety.


Share:
Patricia Fonseca

Deixe o seu comentário