RTP aposta no Office 365 da Microsoft

9064
0
Share:

A Microsoft anuncia que a RTP adotou o seu serviço integrado de soluções de produtividade, comunicação e colaboração, o Office 365, com vista a reduzir custos de exploração, otimizar recursos e aumentar a disponibilidade das ferramentas de produtividade ao dispor dos colaboradores. Trata-se, assim, da primeira operadora de televisão a adotar este modelo de produtividade em Portugal, e também a primeira a beneficiar de um conjunto de ferramentas que constituem o futuro da produtividade.

A integração do Office 365 permitirá à RTP melhorar os seus níveis e rácios de produtividade, reduzindo, simultaneamente, custos e melhorando a eficiência de todos os processos de comunicação dentro da organização, já que os seus colaboradores poderão, a partir de agora, beneficiar de uma nova suite de aplicações colaborativas da Microsoft, conjugando-as com as potencialidades oferecidas pela cloud.

Entre algumas das principais vantagens, destacam-se o mais rápido acesso ao email, a maior capacidade de arquivo de ficheiros, a possibilidade de partilha e edição conjunta de conteúdos, novos modelos de trabalho, flexibilidade e sociabilidade, entre muitos outros, o que permitirá uma gestão mais eficiente dos conteúdos e processos colaborativos dentro da organização.

Como parte integrantes da solução Microsoft Office 365, a RTP passará também a usufruir de outras soluções de produtividade, das quais são exemplo o Microsoft Exchange Online (correio electrónico, calendário e contactos de nível empresarial no PC e na web), o Microsoft Sharepoint (ferramenta de portais e web), bem como do Microsoft Lync (ferramenta de comunicação dados/voz/vídeo).

De acordo com Fernando Albuquerque, Diretor de Sistemas de Informação da RTP, “A adoção do Office 365 foi para a RTP uma escolha ponderada, na medida em que estamos empenhados em incrementar os níveis de eficiência e produtividade dentro da organização, através de uma gestão mais eficiente dos nossos recursos e capitalizando as vantagens do modelo de trabalho em cloud computing. Acreditamos, ainda, que a integração desta suite de serviços inovadores nos permitirá projetar a RTP como uma empresa colaborativa, eficiente e produtiva, alinhada com as necessidades e características do futuro modelo de trabalho a privilegiar em Portugal”.


Share:
Patricia Fonseca

Deixe o seu comentário