Qlik Sense Cloud Business já está disponível para Visual Analytics Online

31064
0
Share:

A Qlik anuncia que a Qlik Sense Cloud Business, a sua solução de análise visual de dados baseada em SaaS, já está disponível para que PMEs e grupos de trabalho possam criar, gerir e partilhar análises visuais de dados na Cloud. Alimentado pelo patenteado Motor de Indexação Associativo QIX, o Qlik Sense Cloud Business oferece a escalabilidade e o desempenho da reconhecida plataforma de Visual Analytics da Qlik num ambiente totalmente Cloud. Ao reduzir os obstáculos de entrada através de uma assinatura mensal flexível e de baixo custo, uma administração simplificada e uma experiência totalmente baseada na web, os clientes podem agora beneficiar do Qlik Sense Cloud Business sem grandes custos ou compromissos acrescidos.

Solução baseada na Cloud gera insights orientados por dados

Com uma interface drag-and-drop (arrastar e soltar) e uma experiência de visualização de última geração e uma experiência associativa HTML5 responsivo, o Qlik Sense Cloud Business aumenta o potencial dos insights orientados por dados para utilizadores e grupos de trabalho em qualquer parte da empresa, seja qual for a sua dimensão. O seu design intuitivo permite a utilizadores de qualquer nível de competências técnicas criar, gerir e colaborar, de forma mais rápida e fácil, com aplicações analíticas relevantes. As capacidades do seu design responsivo oferecem a possibilidade de realizar análises em qualquer lugar e a partir de qualquer dispositivo – independentemente do tamanho – incluindo ferramentas de toque e interação sem obrigatoriedade de outros passos adicionais. Devido à capacidade que a Qlik Sense Cloud Business tem em oferecer uma experiência completamente baseada na web, os utilizadores com diferentes níveis de competências técnicas podem começar a utilizá-lo de imediato, assim como os dados e as aplicações estão sempre mais facilmente disponíveis e acessíveis.

Adicionalmente, com apenas um clique é possível partilhar aplicações e insights – quer seja dentro ou fora da empresa – maximizando o valor dos dados e acelerando o processo de tomada de decisão. Com preparação dos dados visuais, os utilizadores podem emparelhar vários conjuntos de dados de várias fontes e, assim, conseguem rapidamente criar aplicações mais ricas e interativas que dão uma perspetiva mais completa dos dados. Esta experiência do utilizador é sustentada pelo Modelo Associativo da Qlik, que possibilita aos utilizadores identificarem todas as associações possíveis existentes nos seus dados.

Colaboração simples e administrada oferece rapidamente mais valor

O Qlik Sense Cloud Business inclui características de administração para grupos que pretendam implementar e gerir diversas aplicações analíticas. Por exemplo, o Qlik Sense Cloud Business inclui:

  • Uma área de trabalho de grupo para, de forma colaborativa, criar, editar e aceder a conteúdos de grupo e aplicações, fomentando a colaboração sem limitar a flexibilidade.
  • Espaço de dados de grupo para contribuir com dados que contenham definições reutilizáveis e consistentes, acelerando o processo de criação de novas aplicações e eliminando as suposições na manutenção de aplicações à medida que os requisitos dos negócios evoluem ao longo do tempo.
  • Redes de partilha entre grupos para gerir várias redes de partilha ou streams aos quais os utilizadores possam ser convidados a assistir, permitindo controlar quais os utilizadores que têm acesso às diferentes aplicações.

Com este modelo baseado na Cloud, as empresas podem adicionar novos utilizadores e aplicações à medida que os requisitos se alteram, com a elasticidade necessária para responder às necessidades atuais e futuras. Qlik Sense Cloud Business rege-se pelas melhores práticas de segurança da indústria, com todos os upgrades e necessidades de infraestrutura geridas pela Qlik.

Preço e disponibilidade

Mais de 100.000 utilizadores já visualizaram dados através do Qlik Sense Cloud. O Qlik Sense Cloud Business está disponível por um valor mensal de 23€ (25$) por utilizador.

Share:
Patricia Fonseca

Deixe o seu comentário