14259 0

Qlik Lança nova Aplicação para Visualização e Descoberta de Dados

A Qlik lançou o Qlik Sense Desktop, uma versão gratuita da sua aplicação de próxima geração para a visualização de dados, que proporciona uma simples interface de arrastar-e-soltar para os utilizadores criarem, de forma célere, visualizações de dados, relatórios e dashboards interativos. O Qlik Sense Desktop é a primeira versão da nova plataforma de BI QlikView.Next a ser disponibilizada a todo o mercado. Inclui o motor de indexação de dados, patenteado pela Qlik, que oferece aos utilizadores a capacidade de potenciarem a sua intuição sem restrições e as associações existentes nos dados, descobrindo ligações inesperadas e insights que, de outro modo, poderiam passar despercebidos.

O Qlik Sense Desktop proporciona uma experiência intuitiva de arrastar-e-largar ao utilizador para a visualização e exploração dos dados e o aproveitamento das capacidades de storytelling dos mesmos, estando disponível para cliente Windows. Permite a construção e navegação em aplicações de visualização, que podem ser guardadas como ficheiros locais para serem partilhadas e abertas por outros utilizadores. Os utilizadores principiantes podem começar pelo simples arrastar de um documento Excel diretamente para a aplicação, ou pela indexação das múltiplas fontes de dados simples existentes na sua empresa. O Qlik Sense Desktop é gratuito para utilização pessoal e empresarial, sem limitações no número de aplicações que podem ser criadas e sem restrições na partilha de ficheiros.

qlik2

A versão completa do Qlik Sense, com chegada prevista ao mercado em setembro de 2014, será baseada em servidor, permitindo o desenvolvimento através do mesmo a partir de qualquer dispositivo, a utilização móvel flexível, a colaboração e partilha, o desenvolvimento personalizado e a integração de dados. Terá também capacidades empresariais essenciais, de segurança de dados e de governança dos dados e das aplicações. Todas as versões do Qlik Sense indexam os dados para permitir que os utilizadores comecem, de forma imediata, a explorar e a visualizar os dados.

“O Qlik Sense Desktop é uma ótima maneira de demonstrar, às pessoas que são novas na Qlik, o potencial e o controlo que podem obter ao explorar os seus próprios dados tornando-os mais significativos, visuais e até divertidos. O nosso compromisso continuado com a simplicidade e a facilidade de utilização, com o objetivo de dar o controlo aos utilizadores, está a cumprir a promessa de oferecer um verdadeiro BI em regime de self-service,” afirmou Anthony Deighton, CTO e Senior Vice President of Products da Qlik.

O Qlik Sense Desktop inclui capacidades como:

• Múltiplas fontes de dados, desde os simples ficheiros Excel até às bases de dados através de ODBC, podem ser introduzidas facilmente na aplicação Qlik Sense.

• A criação de dashboards através de arrastar-e-largar, em apenas minutos, para construir ou alargar a analítica visual.

• Explorar, associar, e combinar a informação de novas maneiras impossíveis com outros produtos que obrigam a criar, de raiz, novas aplicações. Como o Qlik Sense é impulsionado pelo motor de indexação patenteado da Qlik e pela experiência associativa, os utilizadores podem explorar e perguntar qualquer questão de forma dinâmica.

• Pesquisa Inteligente com a digitação simples de palavras ou números para iniciar a análise em todo o conjunto de dados.

• Visualizações Inteligentes Intuitivas oferecem sugestões para ajudar os principiantes a explorar os padrões, atualizando e realçando, de forma dinâmica, novas informações e associações.

• Data Storytelling para obter insights e partilhá-los em formato de apresentação em determinado momento. Os utilizadores podem adicionar comentários e a narrativa da sua análise e fazer o drill down diretamente da apresentação para o Qlik Sense, colocando as questões que deseje em tempo real.

Para além da oferta do Qlik Sense para visualizações de dados mais interativas, a Qlik vai continuar a disponibilizar a sua plataforma já comprovada no mercado, QlikView, para proporcionar o desenvolvimento de aplicações que permitam aos utilizadores, com poucos conhecimentos na área do desenvolvimento de aplicações de BI, criarem e publicarem aplicações analíticas poderosas.

“O QlikView trouxe o BI do back-office para a linha da frente dos negócios, à medida que os utilizadores criaram uma poderosa analítica para todos os processos empresariais possíveis,” afirmou Rick Jackson, CMO da Qlik. “Com o Qlik Sense, vamos ao encontro do desejo geral da visualização célere dos dados, dos dashboards e dos relatórios visuais. Esta combinação proporciona às empresas o acesso alargado à visualização e descoberta de dados, que podem ser aproveitadas para melhorar tanto o desempenho cima para baixo como de baixo para cima em todo o tipo de negócios.”


Bruno Fonseca

Bruno Fonseca

Fundador da Leak, estreou-se no online em 1999 quando criou a CDRW.co.pt. Deu os primeiros passos no mundo da tecnologia com o Spectrum 48K e nunca mais largou os computadores. É viciado em telemóveis, tablets e gadgets.

Notícias Relacionadas

Easypay apresenta crescimento de 45% no número de transações processadas nos 9 primeiros meses do ano

A Easypay apresenta um crescimento de 45% em relação ao número de transações processadas nos primeiros nove meses do ano (2.226 milhões de transações), comparativamente a igual período

Satisfação, qualidade e reconhecimento definem o suporte ao cliente da Acer

A Acer coloca no centro das suas atenções a satisfação dos clientes, esforçando-se a todo o tempo para oferecer e melhorar a cada dia o serviço proporcionado aos

Blue Coat lança o primeiro ecossistema de Cloud do mercado

A Blue Coat anunciou o seu programa de parceria “Cloud Ready”, criando assim o primeiro ecossistema de parceiros de segurança na cloud do mercado. O programa de parceria

Ericsson mantém liderança no Quadrante Mágico de Infraestrutura LTE 2013

A Ericsson anunciou que a Gartner, Inc. a destacou, pelo quarto ano consecutivo, como líder na indústria LTE, no quadrante de “Líderes” do seu relatório Quadrante Mágico de

Dê a sua opinião:

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *