53544 0

PT inaugurou hoje um novo Data Centre na Covilhã

A Portugal Telecom anunciou hoje a inauguração de seu Data Centre na Covilhã. O Data Centre da PT é um dos maiores, mais eficientes e ecológicos data centres do mundo e ocupa uma área total de 75.500 metros quadrados. É modular, composto por quatro blocos e tem capacidade de até 12.000 metros quadrados de espaço de IT. O primeiro bloco, inaugurado hoje, tem seis salas com 520 metros quadrados e um PUE (Power Usage Effectiveness) de 1,25. A PT solicitou a certificação LEED – Platinum para os edifícios de serviços de apoio e LEED – Gold para o bloco do Data Centre. Este PUE sólido, face a um PUE médio da indústria de 1,88, permitirá uma maior sustentabilidade e competitividade. O cenário ambiental único do Data Centre permite o uso do sistema de free cooling durante 99% do ano. A utilização de tecnologia e infraestrutura de alta segurança, projetada para assegurar uma disponibilidade anual de 99,98%, permitiu a obtenção da certificação Tier III pelo Uptime Institute. Este investimento, de 90 milhões de euros na primeira e segunda fases, vai criar 1.400 postos de trabalho, diretos e indiretos. Com esta inauguração, a capacidade de rede do Data Centre, composta por oito data centres, vai aumentar de 14 mil para 26 mil metros quadrados de white space, de 6 mil para 56 mil servidores e de 3 para 33 Pbytes de armazenamento.

004A0777

O Data Centre da PT, na Covilhã, é um investimento de referência que, em grande medida, preenche o ciclo de transformação tecnológica da PT, iniciada em 2008 com o lançamento do MEO, a oferta de sucesso de televisão por subscrição da PT. A PT acredita que a rede é um ativo diferenciado e a sua vantagem competitiva estrutural é sustentada pelos seus investimentos em tecnologia, incluindo: (1) a rede de transmissão de fibra que suporta 100Gbps; (2) a rede de acesso FTTH (fibre to the home, fibra até casa do cliente), com uma cobertura de 1,6 milhões de casas (distinguida com o prémio para a melhor implementação e operação de FTTH, em 2012, pelo FTTH Council Europe), e que já tem uma penetração de 23% nas casas passadas e de 28% na base de clientes de televisão por subscrição; (3) uma rede 4G-LTE com uma cobertura de mais de 90% da população portuguesa, e (4) backhaul móvel de fibra, cobrindo 92% das estações base. O investimento em tecnologia e inovação permitiu à PT transformar a sua oferta, com o lançamento da televisão por subscrição e serviços triple-play. Como resultado, o MEO alcançou a liderança no triple-play apenas quatro anos após o seu lançamento, com uma quota de mercado de 47% e uma quota de mercado de 40,4% no mercado de televisão por subscrição. A transformação da PT também incluiu o enfoque nos dados móveis e no conteúdo em qualquer lugar. Aproveitando a sua liderança tecnológica, a PT lançou a primeiro oferta verdadeiramente convergente quadruple-play, M4O, que está a ganhar força no mercado, tendo atingido um milhão de UGRs (unidades geradoras de receita) em agosto de 2013, dos quais 40% são novos UGRs para a PT. Como resultado, a PT transformou o seu modelo de negócio aumentando a relevância dos serviços de valor acrescentado bem como a previsibilidade do negócio. Mais de 50% das receitas da PT em Portugal são receitas não-voz e a empresa está a conduzir uma grande transformação nos segmentos B2C e B2B, da televisão por subscrição e convergência para a virtualização e outsourcing.

004A0711-1


Bruno Fonseca

Bruno Fonseca

Fundador da Leak, estreou-se no online em 1999 quando criou a CDRW.co.pt. Deu os primeiros passos no mundo da tecnologia com o Spectrum 48K e nunca mais largou os computadores. É viciado em telemóveis, tablets e gadgets.

Notícias Relacionadas

Startup portuguesa selecionada para apresentação a investidores nos EUA

A Wishareit, startup portuguesa que pretende ajudar as pessoas a encontrar, recomendar e receber os melhores presentes, acaba de ser selecionada para apresentar o seu projeto nos Estados

Azlan lança formação online dirigida a PMEs para soluções HPE Aruba Mobile First, na Tech Data Channel Academy

A Azlan lançou uma série de módulos de formação na Tech Data Channel Academy com foco nas PMEs, sobre tecnologias wireless Aruba da Hewlett Packard Enterprise (HPE). Os

ISA pioneira mundial na implementação de código para daltónicos

A ISA integrou o sistema ColorADD nas embalagens do Cloogy, um produto tecnológico português que permite ao utilizador conhecer, remotamente e a qualquer momento, quais os consumos de

Huawei recebe delegação da AICEP no seu heaquarter em Shenzhen e encerra a primeira edição do Programa “Seeds for the Future”

A Huawei recebeu no seu headquarters em Shenzhen uma delegação da AICEP, presidida pelo seu Presidente do Conselho de Administração, Dr. Miguel Frasquilho. A visita teve lugar no

Dê a sua opinião:

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *