47045 0

Oracle Cloud Ajuda Empresas a Identificarem Melhor as Verdadeiras Fontes de Rentabilidade

A Oracle acaba de anunciar uma solução específica para diretores financeiros e gestores que os ajudará a compreenderem concretamente o que é realmente rentável, a terem uma perceção contínua da forma como os recursos estão a ser consumidos, e que lhes oferece a possibilidade de agirem em conformidade com esta informação. Ainda que estejam muito pressionadas para melhorarem os seus níveis de desempenho, são muitas as empresas que não têm a noção sobre quais são as suas despesas reais e de onde se encontram as suas verdadeiras fontes de rentabilidade. Custos, receitas, e sistemas operacionais estão frequentemente fragmentados, não comunicam entre si e encontram-se dispersos dentro das organizações, tornando difícil compreender quais são as verdadeiras fontes de rentabilidade, e quais são os verdadeiros custos do negócio.

A Oracle Profitability and Cost Management Cloud (PCMCS) oferece aos utilizadores profissionais a possibilidade de irem à raiz das causas subjacentes aos custos e às receitas. Os utilizadores podem fácil e rapidamente determinar o nível de rentabilidade dos clientes, dos produtos, das geografias, dos canais de venda, e tomarem de imediato as medidas necessárias para aumentarem a rentabilidade e diminuírem os custos.

“O facto de não se saber exatamente onde a empresa está a ganhar e a perder dinheiro pode ter um impacto muito nocivo nos negócios. Tendo em conta o ritmo atual de aumento contínuo da competitividade a uma velocidade crescente à escala global, é essencial que as empresas possam alocar os seus recursos e o seu dinheiro às prioridades certas,” afirma Hari Sankar, group vice president of enterprise performance management da Oracle. “A PCMCS permite que as organizações identifiquem facilmente onde é que estão as suas maiores fontes de rentabilidade, resolvam as ineficiências, e melhorem a agilidade dos seus negócios, e consequentemente a rentabilidade do crescimento das suas receitas, ao mesmo tempo que reduzem os custos.”

Desenvolvida para a cloud, a Oracle PCMCS oferece novas funcionalidades e inovação na cloud, ao mesmo tempo que disponibiliza também às melhores práticas da oferta on-premisses Hyperion Profitability and Cost Management da Oracle. Esta solução permite que as empresas tenham as suas contas apuradas mais rapidamente, de forma mais rigorosa e eficiente, ao oferecer cálculos detalhados fora da contabilidade. Os utilizadores profissionais podem assim identificar facilmente potenciais áreas de lucro e/ou de poupanças de custos com base em relatórios e mapas emitidos através de um simples click , sem terem que recorrer às TI. Esta solução cloud oferece relatórios embutidos incluindo a informação relativa às curvas da rentabilidade, gráficos, rastreabilidade, e inclui funcionalidades de elaboração de modelos e relatórios financeiros detalhados. A Oracle PCMCS processa grandes volumes de dados e integra-se facilmente com os mais variados sistemas ERP (Enterprise Resource Planning), bem como com as ofertas Oracle Enterprise Performance Management (EPM) Cloud e on-premises.

Independentemente do setor de atividade, a Oracle PCMCS ajuda a determinar onde é melhor concentrar os investimentos – que são limitados, e os recursos (que são escassos) visando alcançar o maior impacto possível:

  • Serviços Financeiros: Os bancos podem desta forma detalhar e perceber melhor as complexas alocações de custos e calcular os custos integrais por produto, cliente e sucursal.
  • Saúde: As organizações deste setor podem ter uma visão mais abrangente e rigorosa da rentabilidade de cada paciente.
  • Educação: As instituições de ensino podem ter uma visão integral dos custos de cada curso e assim calcularem tudo o que necessitam para disponibilizar o mesmo, incluindo o custo de criar o curso.
  • Telecomunicações: As empresas podem indexar diretamente os custos da rede a um produto que os clientes consomem na rede, como por exemplo minutos ou dados.
  • Transportes: As empresas podem calcular os custos das tarifas dos percursos, capitalizando-os; bem como otimizar as tripulações/equipas de operadores, cos ustos das escalas em cada aeroporto, e podem mesmo alocar os custos com base em fatores como o número de passageiros transportados, ou o número de voos realizados.
  • Utilities e serviços públicos: Os utilizadores podem alocar todos os custos partilhados, como por exemplo instalações e equipas de suporte, aos serviços necessários, e ao mesmo tempo imprimir um maior nível de transparência ao controlo governamental.

 

A Oracle PCMCS já está disponível. As empresas podem escolher entre várias opções flexíveis de implementação, de acordo com o que lhes for mais conveniente e com as suas necessidades específicas. Mais informação disponível em Oracle Cloud, na Oracle EPM Cloud e no Twitter.


Patricia Fonseca

Patricia Fonseca

Viciada em tecnologia, entrou para a equipa em 2012 e é responsável pela Leak Business, função que acumula com a de editora da Leak. Não dispensa o telemóvel nem o iPod e não consegue ficar sem experimentar nenhum dispositivo tecnológico.

Notícias Relacionadas

Jaspersoft 4.7: A revolução dos relatórios

A Jaspersoft anunciou a disponibilização do Jaspersoft Business Intelligence 4.7. Os relatórios criados pelo JasperReports Server proporcionam agora, até mesmo aos utilizadores ocasionais, a capacidade de interagirem com uma

Monitorização remota de pacientes crónicos. Conheça o Projecto CHIRON.

A Atos tem vindo a desempenhar um papel bastante significativo no desenvolvimento do Projeto CHIRON para monitorização de pacientes, tanto em hospitais como em casa. O projeto vai

IBM lidera lista de patentes pelo 23º ano consecutivo

A IBM anunciou hoje que está uma vez mais no primeiro lugar da lista anual de patentes nos EUA, com um total de 7.355 patentes registadas em 2015,

SAGE reforça aposta na mobilidade na restauração

A Sage Portugal reforçou a sua aposta na solução Sage GesRest II, destacando entre as várias novidades a possibilidade de funcionamento em sistemas Android e Linux, A mobilidade

Dê a sua opinião:

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *