O Software de gestão enquanto harmonizador de requisitos do sector da Higiene e Segurança no Trabalho

18920
0
Share:

A Higiene e Segurança no Trabalho (HST) é na larga maioria das empresas, um verdadeiro desafio para a gestão, independentemente da dimensão da organização. A legislação sobre esta área surge nos anos 80 do século passado, fruto da entrada do nosso país na então Comunidade Económica Europeia. Essa legislação colocou a ênfase na Prevenção, levando as empresas a implementar planos ou sistemas de Higiene e Segurança no Trabalho (HST) que abrangessem todos os seus trabalhadores, cumprindo com os princípios essenciais de prevenção.

Qual a relação entre o software de gestão e o sector da HST? A função do software de gestão, enquanto tecnologia, é harmonizar todos os processos relacionados com as certificações ou cumprimento de todas as normas obrigatórias com vista a garantir a todos os colaboradores segurança no seu posto de trabalho. É aqui que o software de gestão entra, ou seja, tem como objectivo fornecer todo o apoio necessário aos responsáveis que gerem estes dossiers dentro de uma organização. Uma solução adequada permite, mais do que reduzir custos, maximizar e agilizar os processos de Medicina e Segurança no trabalho.

As dimensões, entre outras possíveis, em que as soluções deverão funcionar de forma eficaz, para agilizar os processos, prendem-se com a Gestão Integrada de Clientes, a gestão de alertas e de marcações e, por último, a elaboração do relatório anual, de cariz obrigatório, e para o qual podem proporcionar a listagem de dados estatísticos a serem apresentados à ACT pela empresa cliente. Uma outra vantagem está relacionada com a comunicação, em tempo real, de todos os dados da organização à gestão para assim se conseguir corrigir ou evitar potenciais problemas com a segurança dos colaboradores de qualquer organização. Do lado da solução, estas são algumas das principais preocupações dos profissionais que devem ser endereçadas em termos de funcionalidades. Do lado da utilização da solução no terreno, esta deve ser capaz de responder às necessidades de funcionar em ambiente cloud, ser adaptável a pequenas e grandes empresas, cumprir a legislação e requisitos legais, e permitir o acesso multi-dispositivo. O desafio para os softwares de gestão de HST passa por agilizar e standardizar os processos administrativos. Para isto deverão ser capazes de realizar acções como a marcação de consultas/exames ou ajudando na gestão do horário de todos os colaboradores.

Adicionalmente, até porque as funções de um software de gestão são tipicamente escaláveis, poderá optar-se pela evolução da solução implementada para ser ela própria a organizar consultas médicas. Paralelamente, estas soluções tecnológicas, irão assim ter um contributo para a simplificação do peso administrativo de todos os processos legais organizacionais como a gestão de agendas de profissionais, cadências legais de visitas de Segurança no Trabalho facilitando um processo, que é só por si, extremamente complexo e moroso.

Assim importa desta forma salientar que o objectivo do software de gestão centra-se precisamente em apresentar-se como um mecanismo de apoio para toda a organização respeitar os processos necessários e assim tornar mais céleres todos os processos de certificação para a HST.


Share:
Fernando Lopes

Deixe o seu comentário