27548 0

Novos switches de transferência automática (ATS) da Eaton simplificam a utilização de fontes de alimentação redundantes

A empresa de gestão de energia Eaton anunciou o lançamento de dois novos switches de transferência automáticos (ATS) que permitem uma implementação mais simples e económica de duas fontes de alimentação em redundância, em instalações de TI e de Rede, novas ou já existentes. Os novos ATS 16 e ATS 30 oferecem uma segurança operacional bastante superior ao permitirem que os equipamentos com apenas uma única entrada de alimentação possam ser suportados por duas fontes de energia independentes. Com isto, os clientes conseguem garantir a continuidade do negócio, a resiliência e o tempo de atividade, mesmo que uma das fontes de energia falhe.

“No ambiente de TI atual, onde o tempo de inatividade e as interrupções de serviço podem ter um impacto muito disruptivo e negativo em termos de custos, a redundância em termos de fontes de alimentação é muito importante”, disse Julien Salinas, product manager da Eaton. “No entanto, apenas os servidores avançados e os equipamentos de rede oferecem a capacidade de suporte de duas fontes de energia. Para endereçarmos este problema de uma forma conveniente e mais simples, decidimos desenvolver os nossos novos switches de transferência automática. São switches compactos, económicos, fáceis de instalar, e podem ser usados com qualquer fonte de energia de onda sinodal.”

Ambos os equipamentos ocupam apenas 1U de espaço no rack e oferecem comutação contínua totalmente automática entre as fontes de energia. O ATS 16 tem uma potência de 16A, tem dois conectores IEC C20 para entrada de energia, oito conectores IEC C13 e um conector IEC C19 para fornecimento de energia a equipamentos suportados. Integra, como standard, um LCD que oferece uma série de capacidades métricas e de configuração base.

ATS30-FrontStylPRO ATS 30 é o único switch de transferência automática com 30A no mercado, e utiliza ligações por cabo para entrada e saída de energia. Inclui ainda um completo equipamento de rede, opcional no ATS 16, e conectividade de rede que permite aos utilizadores acederem, configurarem e gerirem as unidades a partir de locais remotos.

O ATS 30 pode ainda ser emparelhado com a terceira geração de unidades de distribuição de energia em rack (ePDU® G3) da Eaton, para alimentar vários dispositivos. A monitorização pode ser feita através do software Intelligent Power® Manager da Eaton, que oferece aos utilizadores um sistema de gestão integrado e devidamente preparado para ambientes virtualizados.


Patricia Fonseca

Patricia Fonseca

Viciada em tecnologia, entrou para a equipa em 2012 e é responsável pela Leak Business, função que acumula com a de editora da Leak. Não dispensa o telemóvel nem o iPod e não consegue ficar sem experimentar nenhum dispositivo tecnológico.

Notícias Relacionadas

CESCE SI prepara os clientes para a transformação digital com os novos sistemas flash da Hitachi Data Systems

A CESCE SI divulgou um conjunto de novas soluções, anunciadas pela sua parceira de negócios – Hitachi Data Systems Corporation (HDS), subsidiária da Hitachi, Ltd. que vêm permitir

Estudo revela que 35% dos portugueses defendem lojas abertas ao domingo

O Observador Cetelem questionou os europeus sobre quais as três propostas que mais facilitariam as suas compras e concluiu que os portugueses são dos consumidores que mais valorizam

IBM e Vodafone juntas na criação da ‘casa inteligente’

A IBM e a Vodafone acabaram de anunciar uma nova parceria que vai combinar as comunicações móveis com a computação em nuvem para gerir remotamente os aparelhos de

Mind Source reposiciona a sua estratégia no mercado com nova oferta

A Mind Source reposicionou e reforçou a sua oferta de serviços sobre os eixos de Cloud, Mobile, Social e Information num evento que reuniu mais de uma centena

Dê a sua opinião:

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *