NEC possibilita reduções nos custos de licenciamento de espetro e no consumo energético

9240
0
Share:

A NEC anunciou o lançamento mundial das suas soluções de mobile backhaul para small cells – iPASOLINK 100A e 200A. Estas novas adições, nas frequências 6-42Ghz, à já abrangente família de soluções iPASOLINK para convergência entre a transmissão wireless e a transmissão ótica, ajudam a reduzir os custos em termos de licenciamento de espetro e de energia dos operadores móveis, melhorando a experiência dos seus clientes na utilização de uma vasta gama de serviços de dados móveis.

Estes produtos, juntamente com a linha de sistemas All Outdoor Radio (AOR) da NEC, recentemente anunciados, suportam esquemas de elevada modulação até 2048 QAM, para Ethernet nativa e transmissão TDM, permitindo assim enviar até mais 40% de dados do que os anteriores sistemas 256 QAM. Com este enorme avanço, no que respeita a eficiência de espetro, os operadores de redes móveis podem transportar mais tráfego usando uma única unidade de rádio, não sendo portanto necessário instalar múltiplos sistemas de micro-ondas e antenas, o que implicaria despesas anuais adicionais em cada local de instalação.

As soluções iPASOLINK 100A e 200A ajudam os operadores de redes móveis a aumentar a capacidade da rede, permitindo-lhes acompanhar o crescente uso de dados móveis, que incluem serviços de vídeo e aplicações móveis empresariais. Podem ser usadas para fazer o backhaul do tráfego de small cells para um ponto de agregação, nas mais variadas circunstâncias, e para o seu transporte numa questão de milissegundos para a rede core do operador, através do backbone.

Os produtos contam com uma Indoor Unit (IDU) leve e compacta, o que simplifica a sua instalação. Contam também com um novo sistema de refrigeração sem ventoinhas “free air”, um processamento digital altamente eficiente e tecnologias RF que contribuem para a redução do consumo de energia e dos requisitos de manutenção. Há ainda lugar a poupanças energéticas adicionais de cerca de 20% na Outdoor Unit (ODU) graças às suas capacidades de Adaptive Modulation Radio (AMR) e Automatic Transmit Power Control (ATPC).

Steve Walthew, Product Manager na Mobile Wireless Solutions Division da NEC referiu: “as licenças de utilização de espetro representam uma percentagem significativa dos custos totais da rede de backhaul. Soluções espectralmente mais eficientes – como o iPASOLINK 100A e o 200A – são cruciais para ajudar a escalar as redes de forma a responder às necessidades de aumento de capacidade, com contenção dos custos de capital e operacionais. Em muitos países, os operadores estão limitados pela quantidade de espetro disponível e é essencial fazer um uso mais eficiente da sua alocação, para melhorar a experiência dos clientes na utilização da rede e para otimizar a capacidade de lançar novos serviços de dados móveis geradores de receita”.

Estas são algumas das razões que levaram muitos operadores de telecomunicações de todo o mundo a selecionar a linha iPASOLINK da NEC com capacidade para uma modulação 2048 QAM. Atualmente, são mais de 10 mil os sistemas implementados globalmente.

A NEC esteve entre os primeiros fabricantes a desenvolverem um produto 2048 QAM em 2012 e comercializou rapidamente a tecnologia, implementando-a num conjunto alargado de produtos.

A NEC vai continuar a disponibilizar a mais avançada e mais abrangente gama de soluções de mobile backhaul do mercado.


Share:
Patricia Fonseca

Deixe o seu comentário