NEC demonstra plataforma de cloud computing para solução DaaS

8096
0
Share:

Foi durante esta semana que a NEC Europe demonstrou a sua plataforma carrier-grade de cloud computing para solução DaaS no Mobile World Congress 2013, em Barcelona.

Os principais benefícios da plataforma DaaS da NEC incluem: disponibilidade 24 horas, proteção permanente dos dados, ferramentas web para gestão da solução e de fácil utilização, acesso via múltiplos terminais, otimização de recursos, redução dos custos de manutenção, integração com o ambiente de TI atual, inexistência de risco de obsolescência tecnológica, transição de investimento CAPEX para OPEX e arranque rápido e simples sem instalações.

Com a plataforma DaaS, a Telefonica lançou, a 15 de fevereiro de 2013, o “Movistar Virtual PC”, a sua mais recente solução DaaS para PMEs e grandes empresas. O NEC Cloud Competence Centre, em Espanha, disponibilizou a plataforma, bem como os serviços profissionais, que incluem a operação e manutenção da plataforma alojada no datacenter da Telefonica.

O Movistar Virtual PC proporciona um acesso seguro aos desktops virtuais alojados no datacenter da Telefonica, a partir de qualquer dispositivo, a todo o momento e em qualquer local. Devido ao seu modelo “pay per use”, a solução DaaS permite aos clientes empresariais da Telefonica reduzirem as suas despesas de TI associadas à aquisição e à manutenção de PCs para os seus escritórios.

Luis Miguel Dominguez, Diretor-Geral do NEC Cloud Competence Centre, em Espanha, afirma: “Atualmente, as empresas e os colaboradores dependem fortemente dos PCs dos seus escritórios. A necessidade permanente de utilizar aplicações de dados e de negócio exige que os colaboradores tenham acesso aos seus PCs em qualquer circunstância,  o que, por sua vez, dá origem a um risco de roubo ou de perda. Além disso, força os departamentos de TI a gerirem um parque heterogéneo e disperso de PCs. A nova solução DaaS da Telefonica resolve estes problemas, ao melhorar os recursos de mobilidade, segurança e gestão”.


Share:
Patricia Fonseca

Deixe o seu comentário