17654 0

Konica Minolta reduz emissões de CO2 e aposta nos materiais reciclados

A empresa de soluções de impressão e gestão documental apostou na redução do impacto ambiental da sua atividade e os resultados estão à vista. As vendas de “Green Products” (produtos “verdes”) representam 54% do total de todas as áreas de negócio, 33 novos produtos foram introduzidos neste mercado e o objetivo de reduzir as emissões de CO2 em 80% até 2050 continua no bom caminho.

Redução de CO2 em 20% nas “Green Factories” com certificação de nível 2

Através do seu sistema de certificação ambiental – o “Green Factor Certification System”, que avalia as atividades ambientais nos locais de produção desde 2010 – seis fábricas (cinco no Japão e uma na China) atingiram o nível 2 desta certificação. Este nível traduz-se na redução das emissões de CO2 em 20% e da descarga de resíduos em 50%.

Redução das emissões de CO2 na distribuição

A Konica Minolta avalia o seu desempenho ambiental na distribuição, vendas, serviço, recolha e reciclagem. As emissões de gases com efeito de estufa foram reduzidas ao serem reduzidas as distâncias no transporte e na otimização dos locais e rotas de distribuição, bem como na redução ao recurso ao transporte aéreo.

No ano fiscal de 2014, a taxa de reciclagem atingiu os 98%.

Redução do impacto ambiental em cooperação com os fornecedores

Tendo em conta toda a cadeia de valor, a Konica Minolta reduziu as emissões de CO2 em 2,7% para 1,37 milhões de toneladas, em comparação com o ano fiscal de 2013. Esta avaliação inclui os fornecedores da Konica Minolta, os quais apoiaram o esforço da empresa para a obtenção destes resultados, no âmbito da iniciativa “Green Suppliers” (fornecedores “verdes”).

O CEO da multinacional japonesa, Shoei Yamana, declara: “Por forma a conseguirmos crescer sustentadamente nos próximos 50 anos, ou até 100, é vital que se crie não só valor económico como social e ambiental”. “A Redução das emissões de gases com efeito de estufa, sustentabilidade de recursos, preservação da biodiversidade, entre outros, têm de ser prioridades para as empresas”, conclui.


Patricia Fonseca

Patricia Fonseca

Viciada em tecnologia, entrou para a equipa em 2012 e é responsável pela Leak Business, função que acumula com a de editora da Leak. Não dispensa o telemóvel nem o iPod e não consegue ficar sem experimentar nenhum dispositivo tecnológico.

Notícias Relacionadas

Bizdirect prepara mudanças e prevê a contratação de 40 profissionais

A Bizdirect reforça a sua aposta na retenção de talento nacional com a integração de 40 profissionais para diversas áreas. As contratações começam já no início do ano

Staples lança serviço de assistência técnica ao Domicílio

A Staples lançou um novo serviço de apoio ao cliente ao Domicílio. Este novo serviço vem reforçar o serviço Easy Tech da Staples em duas vertentes especializadas, Pick Up

Novo Audience Targeting da Liferay permite uma “ligação directa” às prioridades dos clientes

A Liferay anuncia o lançamento da nova aplicação Audience Targeting para Liferay Portal, a plataforma de portais web empresariais de código aberto mais utilizada do mundo. Através desta

ESET é a primeira a transpor a barreira mágica dos 100 Prémios VB100

A ESET alcançou um monumental feito na indústria da segurança. O ESET NOD32 é o primeiro produto de sempre a alcançar a barreira mágica dos 100 Prémios VB100

Dê a sua opinião:

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *