37539 0

Kaspersky Industrial CyberSecurity for Energy

As redes de energia elétrica moderna são redes complexas, com automação integrada e controlo de funções. Contudo, uma vez que a comunicação é feita através de protocolos abertos, não existem funções internas e suficientes ao nível da cibersegurança para combater o crescente e sofisticado conjunto de ameaças de segurança que enfrentam.

O recente relatório da Kaspersky Lab sobre a cibersegurança industrial descobriu que 92% dos dispositivos dos sistemas de controlo industrial externos disponíveis (ICS) utilizam protocolos de conexão à Internet abertos e inseguros. Desde 2010, o número de vulnerabilidades das componentes-ICS também aumentou 10 vezes, fazendo destes dispositivos um fácil e lucrativo target para os hackers. O desafio das empresas energéticas é, portanto, claro, sobreudo se tivermos em conta o mais recente Inquérito Global de Informação de Segurança da Ernst & Young, que mostra que 42% das empresas de energia e serviços elétricos admite que é pouco provável que sejam capazes de detetar um ataque sofisticado.

O Kaspersky Industrial CyberSecurity for Energy (KICS) foi desenvolvido para ajudar empresas energéticas a estar em segurança em cada uma das camadas das suas infraestruturas industriais, sem que a continuidade operacional e a consistência dos processos tecnológicos sejam afetados. A solução da Kaspersky Lab protege os centros de controlo SCADA (Supervisão, Controlo e Aquisição de Dados) e cada nível dos sistemas de automação incluindo servidores, HMI, Gateways, estações de trabalho de Engenharia. O mesmo acontece com os equipamentos de automação secundários: Protection relays, Bay Controllers, Merging units, RTU e outros bus de subestações, de IED de processos e redes globais da infraestrutura.

A solução oferece uma variedade de tecnologias avançadas com o objetivo de proteger os nodos industriais (incluindo Servidores, HMI, Gateways e estações de trabalho de Engenharia) e as redes da infraestrutura. Oferece ainda a monitorização da rede e a verificação da integridade graças à aplicação de um protocolo de inspeção (incluindo IEC 60870-5-104, IEC 61850, e outros standards e protocolos para as infraestruturas de energia elétrica).


Bruno Fonseca

Bruno Fonseca

Fundador da Leak, estreou-se no online em 1999 quando criou a CDRW.co.pt. Deu os primeiros passos no mundo da tecnologia com o Spectrum 48K e nunca mais largou os computadores. É viciado em telemóveis, tablets e gadgets.

Notícias Relacionadas

Indra lidera projeto ABC4EU (Automated Border Control for European Union)

A Indra lidera o projeto ABC4EU (Automated Border Control for European Union), iniciativa europeia de I+D para melhor os sistemas de automatização do controlo de fronteiras nos aeroportos.

Nova Gama Prisma da Schneider Electric com altos desempenhos energéticos

A Schneider Electric pretende divulgar a evolução da gama de invólucros Prisma. A solução inclui uma nova versão com 36 módulos verticais no Prisma G (1980 mm de altura),

Workshop gratuito sobre o papel dos Centros de Dados no sector da educação

A Schneider Electric em parceira com a Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa, dedicado ao papel dos Centros de Dados enquanto motores de desenvolvimento e eficiência no

Zarph reforça presença na Europa de Leste

A Zarph acaba de reforçar a sua presença na Europa de Leste, com a entrada no Kosovo e na Macedónia através de um novo contrato estabelecido com o

Dê a sua opinião:

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *