IBM Research anuncia nova tecnologia em ambiente cloud para proteger dados pessoais

7568
0
Share:

A IBM acaba de anunciar o lançamento do Identity Mixer, uma nova tecnologia em ambiente cloud para ajudar os consumidores a protegerem melhor os seus dados pessoais online.

A tecnologia, denominada  Identity Mixer, utiliza técnicas inovadoras e algoritmos criptográficos para cifrar os elementos de identificação de um utilizador, como a idade, a nacionalidade, a morada e o número de cartão de crédito, por forma a que o utilizador revele a terceiros apenas algumas partes selecionadas dos seus dados pessoais.

“O Identity Mixer dá aos utilizadores a possibilidade de escolherem exatamente os dados que querem partilhar e com quem”, afirmou Christina Peters, Chief Privacy Officer da IBM. “Agora, os prestadores de serviços online podem minimizar a percentagem de risco e aumentar a confiança dos clientes. E tudo acontece em ambiente cloud, facilitando o trabalho aos programadores das empresas”.

De acordo com a consultora norte-americana comScore, um cidadão comum passa cerca de 25 horas por mês na Internet, acedendo a dezenas de serviços diferentes, incluindo homebanking, lojas online e redes sociais. Para praticamente todos os serviços, os utilizadores têm que criar um perfil com nome e password – ou, para maior segurança, certificados digitais. Embora tais ferramentas possam oferecer segurança suficiente na maioria das nossas ações online, tipicamente não costumam proporcionar privacidade ao utilizador, levando-o a revelar mais dados pessoais do que o necessário, uma atitude que pode revelar-se cara se estes dados caírem nas mãos erradas.

Por exemplo, tendo em consideração um serviço streaming de vídeo que apresenta em lista filmes que possuem restrições de idade, para transmitir um filme ‘para maiores de 12’, o utilizador x precisa fazer prova de que tem pelo menos 12 anos e que vive na região destinada. A forma habitual de o fazer implica indicar a data de nascimento completa e o endereço postal, mas isso revela mais sobre o utilizador do que o necessário. O Identity Mixer consegue simplesmente confirmar que o utilizador x tem pelo menos 12 anos, sem revelar o mês, o dia e o ano em que nasceu, e que vive na região correta, sem indicar a morada. Isso garante que, mesmo que o serviço de streaming de vídeo seja alvo de um ataque  de hackers, os dados pessoais do utilizador x continuem seguros.

Da mesma forma, se o utilizador x precisa usar o cartão de crédito para proceder à compra de um filme, o serviço streaming de vídeo apenas sabe que o cartão de crédito está válido e que pode aceitar o pagamento, nunca revelando o número real ou a data de validade.

O Identity Mixer está disponível a partir da nova plataforma como um serviço (PaaS) da IBM em ambiente cloud, IBM Bluemix, que combina  software IBM, tecnologias de open-source e de terceiros. A partir da próxima primavera, os subscritores BlueMix poderão experimentar o Identity Mixer nas suas próprias aplicações e serviços web. Usando comandos simples, os programadores podem escolher os tipos de dados que desejam proteger e o BlueMix fornecerá o código, que pode ser incorporado nos seus serviços.

“O Identity Mixer incorpora mais de uma década de investigação com o propósito de chegar a este conceito de divulgação mínima de dados relacionados com a identidade. Agora está finalmente pronto para ser usado em transações a partir de computadores ou dispositivos móveis”, sublinhou Jan Camenisch, criptógrafo e co-inventor do Identity Mixer no IBM Research.

“Queríamos que as pessoas pudessem ter controlo sobre o que revelam sobre si mesmas”, acrescentou  Anna Lysyanskaya, co-inventora do Identity Mixer. “Com o Identity Mixer na cloud, os programadores têm agora à disposição uma forte ferramenta de criptografia que torna a privacidade em algo acessível. Trata-se de uma nova tecnologia, um pedaço de software que pode facilmente ser incorporado num serviço de gestão de identidades, tornando as violações de privacidade menos frequentes”.


Share:
Patricia Fonseca

Deixe o seu comentário