IBM lança nova edição do Smarter Cities Challenge

20944
0
Share:

A IBM volta a alargar o Smarter Cities Challenge a mais localidades de todo o mundo, ao lançar mais uma edição deste programa competitivo global, no qual a Companhia disponibiliza serviços de consultoria com o objetivo de promover e criar cidades mais inteligentes.

Nesta nova edição, cujo prazo de candidaturas termina a 24 de fevereiro, a IBM está à procura de projetos que possam beneficiar com as tecnologias inovadoras da Companhia, como são exemplo a analítica avançada de dados, o cloud computing, a computação cognitiva e as soluções de analítica de dados meteorológicos.

Os requisitos essenciais para se ser uma cidade vencedora incluem uma liderança forte, vontade de colaborar com várias entidades e o desejo de transformar a cidade num local mais inteligente e eficiente. A IBM selecionará as 10 candidaturas que melhor se enquadrem nos critérios desta iniciativa, de um total estimado de 100 que são recebidas a cada nova edição.

Este galardão prevê que cada cidade selecionada, de entre o leque de candidaturas, acolha uma equipa composta por seis dos melhores consultores da IBM, que procurará, durante três semanas, avaliar, analisar e recomendar melhorias estruturais na região. O trabalho será desenvolvido em conjunto com a Câmara Municipal e outras entidades locais, de modo a recolher a informação necessária para que, no final, se possa disponibilizar uma lista de recomendações detalhadas, com base nos requisitos e objetivos do projeto apresentado pelo município. O valor deste apoio em consultoria representa um investimento estimado de 500 mil dólares.

Iniciada em 2010, esta é a maior iniciativa de Cidadania Corporativa da IBM, tendo já enviado 800 especialistas a mais de 130 cidades espalhadas pelos cinco continentes, onde foram desenvolvidos projetos de consultoria pro bono de forma a resolver os desafios lançados pelas autarquias e a melhorar os serviços prestados aos seus cidadãos.

Faro foi até ao momento a única cidade portuguesa premiada com este apoio da IBM. O projeto decorreu em 2014, tendo tido como resultado uma série de recomendações na área do turismo, da inovação e da economia do mar.

“As cidades de todo do mundo estão sob uma enorme pressão para enfrentar desafios crescentes e com recursos cada vez mais limitados”, sublinhou Jennifer Crozier, vice-presidente de Iniciativas Globais de Cidadania Corporativa da IBM. “Muitas vezes as cidades não têm acesso às soluções de tecnologia mais inovadoras e a recomendações e melhores práticas que poderiam ser aplicadas para resolver esses problemas e melhorar os serviços. Procuramos partilhar o que de melhor fazemos na IBM, entre conhecimento e a nossa experiência nas áreas da computação cognitiva e da analítica, por forma a ajudar e a aportar melhorias significativas e duradouras a estas cidades”.

As cidades interessadas devem submeter uma declaração de interesses até ao dia 24 de fevereiro em www.smartercitieschallenge.org


Share:
Patricia Fonseca

Deixe o seu comentário