32301 0

HTC duplica faturação no mês de Setembro

A HTC apresentou uma receita consolidada em setembro de 2017 de 215 milhões de dólares. Na prática este valor representa mais do dobro da receita obtida em agosto do mesmo ano.

Um dos fatores desta receita será eventualmente a disponibilização do Google Pixel 2 à Google, que como sabem são fabricados pela HTC.

No entanto e olhando para os valores globais, o quadro geral é menos positivo uma vez que representa um declínio de 30% ano-a-ano.

Importa agora observarmos como será o final do ano para a HTC, uma vez que o lançamento dos equipamentos que estão agendados para esta reta final como, por exemplo, o HTC U11 Plus, poderá ser um bom adjuvante para as vendas e consequentemente para a faturação.

Os números apresentados são para já valores não auditados, sendo que os auditados deverão ser conhecidos em breve.


Bruno Fonseca

Bruno Fonseca

Fundador da Leak, estreou-se no online em 1999 quando criou a CDRW.co.pt. Deu os primeiros passos no mundo da tecnologia com o Spectrum 48K e nunca mais largou os computadores. É viciado em telemóveis, tablets e gadgets.

Notícias Relacionadas

Agência Tributária Espanhola utiliza IBM Watson para ajudar empresas e contribuintes na gestão do IVA

A IBM anuncia uma parceria estratégica pioneira com a Agência Tributária Espanhola com o objetivo de dar apoio aos contribuintes na gestão do IVA. Desde o passado mês

Siemens é Platinum Partner do Web Summit 2017

A Siemens reforçou a presença no Web Summit, tornando-se platinum partner deste que é um dos maiores eventos do mundo no que respeita a startups. A multinacional alemã

Acer anuncia novo plano de capitalização para a StarVR

A Starbreeze AB e a Acer anunciaram um acordo para um plano de capitalização para a StarVR Corporation – a joint venture para marketing e venda do headset

Tech Data anuncia acordo pan-europeu com a Panduit

A Tech Data anuncia o acordo pan-europeu de distribuição com a Panduit, fornecedora líder global de soluções de infra-estrutura de rede, com base no acordo existente com a

Dê a sua opinião:

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *