GSTEP fatura 1M€ no 1º Semestre e investe na internacionalização

9152
0
Share:

A GSTEP anunciou os resultados financeiros do 1º semestre e as perspetivas até ao final do ano. Nos primeiros 6 meses do ano, a empresa atingiu 1 milhão de euros de volume de negócios e prevê fechar o ano de 2013 com 2 milhões de euros.

A área de Business Intelligence continuou a representar o maior peso na faturação da empresa com 85%, seguindo-se a área de Enterprise Performance Management com 15%. Ao nível dos mercados externos, a GSTEP está a desenvolver projetos na Europa Ocidental e PALOP’s e em 2014, o negócio além-fronteiras deverá representar 50% da faturação.

De acordo com Carlos Cardoso, CEO da GSTEP “Pretendemos continuar a crescer com base nas nossas reconhecidas competências técnicas nas áreas de BI e EPM, consolidando a nossa atuação e presença quer no mercado nacional, quer nos mercados externos, nomeadamente Moçambique. Para tal, até ao final do ano, prevemos a abertura de um escritório nesta região.”

A empresa tem atualmente 20 clientes ativos, entre eles a Grupo Espírito Santo Saúde, Lusitânia Seguros, Grupo VALE, TIMWE, Grupo Crédito Agrícola, Grupo Luís Simões, Banco Credibom, SIBS, Banco Santander, Sumos SAN, Chronopost Portugal, MTN na África do Sul, Groupama, Banco Espírito Santo e Autoestradas do Atlântico.

Este ano, a GSTEP desenvolveu dois projetos relevantes na LUSITANIA Seguros e no Grupo Espírito Santo Saúde. No primeiro cliente, a tecnológica implementou o BI corporativo, incorporando todas as áreas da organização, juntamente com integração da informação da N Seguros e Real Seguros. Foi ainda feita a migração do sistema para Exalytics da Oracle, sendo a primeira implementação de Exalytics em Portugal. No Grupo Espírito Santo Saúde foi realizada a implementação do Sistema de Business Intelligence do Hospital Beatriz Ângelo – Loures, o primeiro Sistema de monitorização certificado em Portugal.

No que respeita a Recursos Humanos, a empresa conta com uma equipa de 27 colaboradores nos quadros e pretende terminar o ano com 30. Nesta área, a GSTEP promove o emprego jovem juntamente com o meio académico, quer na procura de talentos, quer no apoio a programas de estágios curriculares, profissionais e de 1º emprego, proporcionando a oportunidade a estagiários de poderem desenvolver competências e integrarem os quadros da empresa.


Share:
Patricia Fonseca

Deixe o seu comentário