13483 0

GMV conclui com sucesso projeto para a gestão da água

A GMV apresentou na Comissão Europeia, os resultados do projeto MyWater – Merging Hydrologic Models and EO Data for Reliable Information on Water.

Atualmente existem 2.5 biliões de pessoas sem acesso adequado à água, enquanto as alterações climáticas conduzem a mudanças dramáticas no que respeita à disponibilidade e necessidades deste recurso. Estas alterações irão influenciar todos os cidadãos, sendo que as autoridades necessitarão de mais e melhor informação para que possam adaptar-se à nova situação.

O projeto de I&D MyWater, cofinanciado no âmbito do 7º programa quadro da Comissão Europeia, respondeu a estes desafios através da implementação de uma plataforma de informação que integra dados de três áreas científicas: Observação da Terra, meteorologia e modelos de bacia hidrográfica, com vista à melhor determinação dos processos hidrológicos.

my1

Os satélites de observação da Terra foram utilizados para a identificação da Ocupação do solo (LCLU), medição do Índice de área foliar (LAI), Evapotranspiração e Humidade no solo. Os modelos de bacia hidrográfica podem estimar todos estes parâmetros e assim permitir confirmar ou complementar a informação dada pelos satélites. Os dados meteorológicos forneceram informação relacionada com a disponibilidade de água, por exemplo a precipitação. O uso integrado das diferentes fontes de dados contribuiu para a obtenção de resultados mais fiáveis e com maior precisão, em cadeias de serviço quase automáticas para fornecer resultados orientados ao utilizador, como por exemplo, necessidades de água para consumo (quantidade e qualidade), necessidades de água para agricultura, cenários de cheias, etc.

my2

O projeto MyWater demonstrou ser capaz de fornecer dados fidedignos sobre água (quantidade, qualidade e uso para a boa gestão deste recurso), contribuindo para melhorar o conhecimento existente e criando as capacidades de previsão necessárias aos gestores da água. O projeto contribui ainda para a otimização do rácio custo/benefício na monitorização dos recursos hídricos.

A GMV liderou o consórcio, focando o trabalho técnico no processamento de imagens de satélite e na preparação de serviços para utilizadores. O grupo de parceiros incluiu o Instituto Superior Técnico, a Hidromod, o Instituto para Educação em Água da UNESCO, a HydroLogic Research, o Joint Research Center, o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais do Brasil, as Universidades Pannon Egyetem da Hungria, Aristotelio Panepistimio Thessalonikis da Grécia, e a Eduardo Mondlane de Moçambique.


Bruno Fonseca

Bruno Fonseca

Fundador da Leak, estreou-se no online em 1999 quando criou a CDRW.co.pt. Deu os primeiros passos no mundo da tecnologia com o Spectrum 48K e nunca mais largou os computadores. É viciado em telemóveis, tablets e gadgets.

Notícias Relacionadas

Ericsson transforma grandes ideias em realidade na CES 2016

Na CES 2016, que decorre de 6 a 9 de janeiro em Las Vegas, a Ericsson vai demonstrar a forma como a Sociedade em Rede está a transformar

Ericsson estabelece parceria com a Eurogiro

Com o objectivo de fornecer o serviço de comércio móvel mais completo e flexível do mundo, a Ericsson (NASDAQ: ERIC) anunciou uma parceria com a Eurogiro, que vai

Opensoft vai contratar 10 colaboradores

A Opensoft acaba de anunciar o seu processo de recrutamento para a integração imediata de mais 10 elementos nos seus quadros. Tratam-se de especialistas de TI, consultores e

Banco Best ganha prémio de melhor Site/App Mobile para eCommerce

O Banco Best foi o vencedor da categoria Melhor Site / App Mobile para eCommerce, no âmbito dos Prémios Navegantes XXI da ACEPI – Associação do Comércio Electrónico

Dê a sua opinião:

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *