97970 0

Startup portuguesa eSolidar levanta capital na Seedrs pela segunda vez

A eSolidar está de regresso à Seedrs pela segunda vez. Depois de, em 2016, ter protagonizado aquela que foi, na altura, a maior campanha de investimento de uma empresa portuguesa, a eSolidar volta a recorrer à maior plataforma europeia de equity crowdfunding. O objetivo da ronda de financiamento é captar, pelo menos, 150 mil euros.

Na campanha, que arranca hoje e que terá a duração de 60 dias, a eSolidar pretende angariar 150 mil euros, em troca de 4,6% do seu capital, avaliando a empresa em 3,12 milhões de euros. A campanha, que já atingiu mais de 35% do objetivo só no primeiro dia, está ativa em: https://www.seedrs.com/esolidar-1

Recentemente, a eSolidar lançou uma solução de responsabilidade social para empresas. A eSolidar Business é uma solução que permite envolver, capacitar e conectar os funcionários com o mínimo de esforço, ampliando as suas estratégias de impacto e responsabilidade social, e criando uma cultura de colaboração e de comunidade dentro de qualquer organização.

A eSolidar vai marcar presença na Web Summit no dia 9 de novembro, com um stand na zona Philanthropy & Social Good, onde irá promover a sua solução para empresas.

Deste modo, o financiamento captado através da campanha na Seedrs será direcionado para esta solução para as empresas, tanto no melhoramento como no desenvolvimento da tecnologia, como vendas e acesso a novos clientes.


Patricia Fonseca

Patricia Fonseca

Viciada em tecnologia, entrou para a equipa em 2012 e é responsável pela Leak Business, função que acumula com a de editora da Leak. Não dispensa o telemóvel nem o iPod e não consegue ficar sem experimentar nenhum dispositivo tecnológico.

Notícias Relacionadas

5.ª edição do BIG Smart Cities apresenta Cascais como primeira cidade experimental para startups

Abrem hoje as candidaturas para a 5.ª edição da competição de empreendedorismo promovida pela Vodafone e pela Ericsson – o BIG  Smart Cities –, que este ano traz

Growin aposta nas startups com abertura de escritório no Porto

A Growin acaba de alargar a sua presença em Portugal, através da abertura de um escritório no centro do Porto. As novas instalações, na Rotunda da Boavista, inserem-se

Marionete está a contratar: 8 vagas em Portugal

A Marionete, uma empresa britânica de consultoria com escritórios em Portugal e que opera nas áreas de BigData, Data Science, DevOps, IoT e Blockchain, encontra-se em processo de

Microsoft aposta na internacionalização das Startups com nova edição do Ativar Portugal

A internacionalização das startups portuguesas de base tecnológica marca uma nova fase do Ativar Portugal, o programa que a Microsoft Portugal criou em 2014 e que tem como

Dê a sua opinião:

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *