22019 0

Ericsson promove Empowerment das Mulheres nas TIC

A Ericsson tem dado prioridade crescente no incentivo às mulheres considerarem uma carreira nas TIC e demonstrado as potencialidades do setor tecnológico, promovendo assim a igualdade de género no setor. Como parte do seu programa de Diversidade e Inclusão, a Ericsson estabeleceu já o objetivo de, em 2020, as mulheres constituírem cerca de 30 por cento da sua força de trabalho global.

A participação da Ericsson em ações no âmbito do tema Girls in ICT, para além valorizar o papel da mulher no desenvolvimento da sua visão da Sociedade em Rede, promove a partilha de testemunhos e de experiências no mundo tecnológico. À semelhança dos anos anteriores, esta aposta repete-se e renova a parceria entre a Ericsson e o Agrupamento de Escolas de Paço de Arcos. A Ericsson desafiou uma escola da sua localidade a receber a sua equipa.

A presença das colaboradoras Chiara Bedini e Rute Diniz, duas mulheres de sucesso da área das TIC, conquistadas pelo desejo de trabalhar neste setor, vão, tal como em anos anteriores, representar a Ericsson e partilhar com as jovens estudantes as suas
experiências e os desafios no dia-a-dia trabalhar com as tecnologias. Ainda no âmbito Girls in ICT 2017, a Ericsson recebe, nas suas instalações os filhos e filhas dos seus colaboradores, reforçando a sua dinamização na criação de pontes entre o meio familiar e profissional. Na Ericsson, os mais novos vão ter oportunidade de fazer uma visita guiada à Ericsson e dessa forma terem um contacto privilegiado com atividades que despertam o interesse e podem incentivar a uma aposta futura numa carreira neste sector.

Entre as atrações, destaque para interação com exemplos da Internet das Coisas (IoT), permitindo a conexão entre máquinas e a possibilidade de comandar máquinas remotamente a máquinas, e a visualização de kits de arduíno e de um drone.

A Ericsson lançou também uma competição “Ericsson Innovation Awards: Girls Who Innovate” em redor do tema: “The future of food”. Esta competição é dirigida a raparigas entre os 9 e os 18 anos sendo incentivadas a submeter as suas ideias no website da Ericsson para o efeito, sobre as quais um júri composto por colaboradores da empresa votará na melhor ideia.

A Ericsson lança também, através da sua já conhecida divisão Ericsson ConsumerLab, um novo estudo sobre a correlação entre empowerment e acesso e compromisso com o sector ICT, numa versão dedicada às Mulheres, ao Dia Internacional da Mulher e focada num segmento jovem.


Patricia Fonseca

Patricia Fonseca

Viciada em tecnologia, entrou para a equipa em 2012 e é responsável pela Leak Business, função que acumula com a de editora da Leak. Não dispensa o telemóvel nem o iPod e não consegue ficar sem experimentar nenhum dispositivo tecnológico.

Notícias Relacionadas

Ericsson e Cisco estabelecem parceria para criar redes do futuro

A Ericsson e a Cisco anunciam hoje um negócio global e uma parceira tecnológica para criar as redes do futuro. A relação multifacetada vai oferecer aos clientes o

Consumidores desafiam operadores a proporcionarem experiências ‘a um clique’

No que se refere à medição satisfação do cliente, os operadores de telecomunicações têm uma boa avaliação. No entanto, um novo estudo Ericsson ConsumerLab sugere que os ventos

Serviço ao Cliente da NOS conquista todos os prémios da categoria Telecomunicações

O Serviço ao Cliente da NOS acaba de conquistar quatro distinções nos prémios APCC Portugal Best Awards 2017. As linhas de apoio ao cliente de Telemóvel, Pacotes de

OutSystems expande presença na Ásia-Pacífico com escritório na Austrália

A OutSystems anuncia a inauguração do primeiro escritório próprio de vendas na Austrália, no âmbito da sua expansão mundial. Ao estabelecer a presença em Sydney, a OutSystems poderá assim

Dê a sua opinião:

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *