Ericsson impulsiona a maior transformação na indústria de TV e Media

10824
0
Share:

A Media Vision 2020 da Ericsson prevê que até ao ano 2020, a indústria mundial de media irá valer 750 mil milhões de dólares. No NAB Show 2015, que se realiza de 11 a 16 de Abril em Las Vegas, a Ericsson vai demonstrar a forma como se está a preparar o cenário necessário para este crescimento, facultando a todos os players da cadeia de valor as ferramentas para que sejam bem-sucedidos na nova era de Internet da televisão. A posição única da empresa no que respeita à convergência de IP e Media permite-lhe definir a agenda para uma indústria que se debate com um período de transformações sem precedentes. A Ericsson vai demonstrar a forma como está a alargar o seu negócio de media, que conta agora com o contributo da especialista em cloud DVR Fabrix Systems, e vai dar a conhecer novos produtos e serviços, assim como novos anúncios de colaboração com clientes.

O stand da Ericsson na NAB exibirá demonstrações de todas as capacidades que pode oferecer aos proprietários de conteúdos, às emissoras, aos prestadores de serviços de TV por subscrição, quer seja através de satélite, cabo ou operadores de telecomunicações. A Ericsson dispõe do mais abrangente portfólio de produtos, soluções e serviços da indústria, um portfólio capaz de cobrir todo o ciclo de vida do conteúdo, incluindo a sua criação, preparação e playout, contribuição e distribuição do mesmo, processamento de entrega de vídeo, redes de difusão de vídeo e experiências de consumidor TV Anywhere.

Ericsson - TV - Multiscreen

“A Ericsson está na vanguarda de uma indústria emergente de TV e media, e a nossa escala global, a abrangente oferta de serviços e o alargado portfólio tecnologicamente avançado são argumentos que nos colocam na posição número um como parceiro privilegiado dos nossos clientes”, afirma Per Borgklint, SVP e Head of Business Unit Support Solutions da Ericsson. “As perspetivas que temos sobre a complexidade do ecossistema de media e nossa contínua pesquisa sobre as exigências dos consumidores permitem-nos compreender qual o caminho que este mercado está a trilhar, quais serão os principais fatores disruptivos e como melhor seguir rumo a uma indústria totalmente desenvolvida em 2020. Vivemos sem dúvida num momento crucial para a televisão e nós investimos para assegurarmos que a Ericsson seja a catalisadora da mudança, com a escala e as capacidades melhoradas que são essenciais ao sucesso.”

Principais destaques no stand da Ericsson no NAB:

  • A posição de liderança de mercado da Ericsson em cloud DVR, depois da aquisição da Fabrix Systems
  • O lançamento do serviço de legendagem nos EUA
  • A forma como a Ericsson está a criar experiências de consumo de pay TV de próxima geração com a plataforma de TV MediaFirst da Ericsson
  • As redes de distribuição baseadas em vídeo com Broadcast LTE e a solução Media Delivery Network, que possibilitam novos modelos de negócio para a distribuição de conteúdo em redes fixas e redes móveis
  • Potenciar as abordagens de cloud e virtualização em todos os aspetos do processamento e distribuição de media
  • Soluções OTT em ambientes geridos, em regime de alojamento e nas instalações da empresa
  • Soluções inovadoras para a distribuição de conteúdo 4K UHD e HDR (high dynamic range)

Desempenho excecional de compressão de vídeo, validado por vários reconhecimentos no mercado – todas recorrendo ao chip de processamento de vídeo de nível profissional mais poderoso do mundo.


Share:
Patricia Fonseca

Deixe o seu comentário