DataLab reforça aposta na área de Qualidade de Dados

10648
0
Share:

A DataLab anunciou a renovação da sua imagem e algumas novidades na sua oferta que compreende as áreas de Data Quality (soluções para verificação e limpeza de moradas, colocação das coordenadas geográficas, identificação de duplicados existentes e enriquecimento dos dados, entre outras) e Data Management (soluções que tendo objetivos específicos, endereçam vários problemas ligados aos dados, passando pela Integração até à disponibilização e tratamento dos dados, sem esquecer temas regulatórios).

De acordo com Osvaldo Godinho, Diretor Geral da DataLab, “Quando a DataLab decidiu sair deste seu registo mais low-profile, adotou uma estratégia de aposta em novas pessoas e em novas áreas de atuação, e toda a equipa entendeu que a isso deveria estar também ligada uma alteração na imagem. A DataLab tem sido uma empresa low-profile no mercado nacional, o que por vezes faz com que não tenha o devido reconhecimento. Isto é precisamente o que queremos alterar.”

A empresa é composta por uma equipa de 6 colaboradores e deverá atingir os 10 até ao final do ano. O seu portefólio tem cerca de 12 clientes ativos, entre eles a Central de Cervejas, Multicare, Victoria Seguros, L’Oreal, La Redoute, ACP e Cofidis. No entanto, como a Qualidade de Dados é um tema transversal, a empresa pode apresentar soluções em qualquer setor de atividade.

Para os países Lusófonos, como é o caso de Moçambique e do Brasil, a DataLab possui distribuidores locais, isto só é possível pela forte relação de confiança que existe com a Uniserv – empresa alemã especializada em Qualidade Dados que representa, e porque são áreas geográficas onde a Uniserv ainda não tem representação.

Quanto à estratégia para o futuro, Carlos Guerreiro, novo Diretor Comercial e de Marketing da DataLab salienta, “Sempre conscientes da nossa dimensão e dos nossos objetivos, pretendemos crescer de forma consolidada e dando passos firmes, mantendo o foco nos nossos Clientes. Ambicionamos trazer alguma inovação ao mercado nacional, apostando em novos produtos nas áreas de MDM (Master Data Management) e ILM (Information Lifecycle Management), estabelecendo relações de crescente confiança com os nossos parceiros, pois são vitais para o nosso crescimento.”


Share:
Patricia Fonseca

Deixe o seu comentário