Cloud da IBM vai oferecer novos serviços de entretenimento

8448
0
Share:

A IBM anunciou que a Smart TV da Philips vai utilizar a SmartCloud da IBM para levar novas formas interativas de entretenimento em casa a milhões de telespectadores em 30 países da Europa, Brasil e Argentina.

Trata-se de uma mudança significativa na abordagem Cloud, que passa a poder ser utilizada em inovação empresarial e não apenas e exclusivamente para fins de eficiência de TI. A Cloud passará a apresentar-se cada vez mais para novos fins que permitirão oferecer experiências centradas no consumidor.

Por exemplo, os dados armazenados na Cloud da SmartTV da Philips tornarão possível recomendar novas experiências televisivas aos telespectadores, com base nas suas escolhas anteriores. Além disso, a TP Vision (uma operadora de televisão associada à marca Philips) será capaz de direccionar ao telespectador a publicidade que realmente quer ver, e as empresas publicitárias podem até oferecer-lhe promoções e descontos especiais. Bem vindo à nova era do comércio personalizado!

É neste contexto que a IBM se orgulha de apresentar um dos segmentos com mais sucesso da sua tecnologia Cloud, que é ajudar os clientes a acelerar o negócio ao poderem oferecer novos serviços tirando partido da Cloud.

A Cloud está a tornar-se num importante veículo para as empresas de telecomunicações, de produtos eletrónicos, bancos, fornecedores de serviços, entre outras, que passam a poder oferecer serviços que se destacam no mercado de consumo massificado. Na verdade, segundo um estudo recente, quase metade (42%) das empresas prevêem aproveitar a Cloud para inovar radicalmente o modelo de negócio dentro de três anos.

No segundo trimestre de 2012, a IBM duplicou a receita de Cloud em relação ao mesmo período do ano passado, com a contribuição de todas as áreas: Cloud privada, Cloud pública e estas novas soluções para o modelo empresarial. A IBM estima faturar 7 mil milhões de dólares em Cloud até 2015.


Share:
Patricia Fonseca

Deixe o seu comentário