CESCE SI amplia suporte para sistemas operativos e bases de dados

8800
0
Share:

A CESCE SI em parceria com a Vision Solutions anunciaram o lançamento do Double-Take Share 5.3, a mais recente versão da solução de partilha de dados em plataformas múltiplas. O Double-Take Share vem melhorar a atividade de tomada de decisões e a produtividade nas empresas, tornando mais fácil replicar dados críticos entre bases de dados múltiplas, aplicações heterogéneas e plataformas de hardware e sistemas operativos diferentes. A versão 5.3 adiciona suporte para o sistema operativo Linux on Power da IBM, Oracle RAC e últimas versões do Microsoft SQL Server e IBM DB2 para Linux, Unix e Windows. O desempenho na replicação também aumentou para plataformas Teradata e IBM, tornando o acesso a dados em tempo real melhor do que nunca.

“Se o volume de dados continuar a aumentar a este ritmo exponencial, conforme se prevê, a capacidade de replicar a informação em bases de dados em tempo real é essencial” afirmou Alan Arnold, Chief Technology Officer da Vision Solutions. “Apostar numa forte solução de Business Intelligence traz bastantes vantagens competitivas e, actualmente, a necessidade de transferir os dados para a plataforma onde eles são necessários, no formato necessário e sem quaisquer problemas, é mais importante do que nunca, uma vez que permite melhorar o processo de tomada de decisões. O nosso produto Double-Take Share proporciona uma fácil replicação dos dados em plataformas múltiplas, e permite fazer Business Intelligence ou criar análises, consolidar bases de dados ou migrar para plataformas modernas. O Double-Take Share 5.3 ajuda as empresas a realizar sinergias, ao utilizarem os seus dados críticos de forma eficaz”.

O Double-Take Share 5.3 disponibiliza a informação da empresa para pesquisas, relatórios, Business Intelligence e data warehousing para múltiplas plataformas, o que permite uma maior flexibilidade para realizar operações empresariais e amplia o crescimento futuro.

Novas capacidades introduzidas com o Double-Take Share 5.3 incluem:

  • Suporte para Oracle RAC;
  • Suporte para Microsoft SQL Server 2014, local ou em cloud;
  • Suporte para IBM Linux on Power;
  • Suporte renovado para as mais recentes versões de IBM DB2 para Linux, Unix e Windows;
  • Maior desempenho ao carregar dados para bases de dados Teradata, utilizando o Teradata Parallel Transporter;
  • Maior velocidade em ambientes IBM i e introdução de suporte para o sistema operativo IBM i 7.2

Pedro Vieira, Diretor de Desenvolvimento de Negócio da CESCE SI, comenta “Tal como nas versões anteriores, o Double-Take Share 5.3 permite a replicação de dados entre bases de dados em tempo real, mesmo quando estão em diferentes arquitecturas de hardware, sistemas operativos ou plataformas de bases de dados. Por conseguinte, os responsáveis pelo processo de decisão podem ter a certeza de que estão sempre a trabalhar com base nos dados mais recentes, qualquer que seja o seu ponto de origem.” O mesmo responsável acrescenta ainda, “Esta solução facilita também a tarefa dos utilizadores no que diz respeito a descarregar apenas algumas partes selecionadas de dados para que possam ser utilizados para efeitos de desenvolvimento, de testes, elaboração de relatórios e outros fins. Tudo isto sem ter qualquer impacto ou colocar em risco o sistema de produção, e o que se constata é que estas capacidades, nos dias que correm, são cada vez mais relevantes para o negócio.”

“O Double-Take Share 5.3 permite-nos replicar dados em tempo real a partir do nosso servidor IBM i a correr o package M3 ERP da Infor para uma base de dados Microsoft SQL Server num servidor Windows 2008, para reporting e análise em Business Intelligence,” disse Krister Andersson, diretor de TI da Eldon AB, na Suécia. “Ao utilizar o Double-Take Share para descarregar dados para o nosso data warehouse, o processo é menos intrusivo para o nosso servidor de produção, e suporta a partilha de dados em tempo real exato em processos de tomada de decisão em toda a nossa organização. O Double-Take Share 5.3 tem um desempenho brilhante, é fácil de monitorizar, e torna o processo de replicação rápido e eficaz.”


Share:
Patricia Fonseca

Deixe o seu comentário