CDI Portugal é o novo projeto de inclusão social apoiado pela Microsoft

5984
0
Share:

A Microsoft Portugal apresentou hoje, em primeira mão e no arranque da sua iniciativa anual “Encontro de Parceiros Sociais”, um novo projeto estruturante de Responsabilidade Social por si apoiado, o CDI Portugal – Centro de Inclusão Digital.

Originário do Brasil e já com uma estrutura internacional, o CDI é um projeto revolucionário de intervenção e inclusão digital, reconhecido à escala mundial, que chega agora a Portugal, com o objetivo de ampliar a sua missão de mobilizar e transformar comunidades e redefinir percursos de vida de pessoas, provenientes de contextos socioeconómicos desfavorecidos, através da utilização da tecnologia e de todo o seu potencial.

Com mais de 18 anos de atuação, 780 espaços de inclusão digital espalhados por 12 países um pouco por todo o mundo, e mais de 1,000,000 de vidas impactadas, o CDI tem vindo a desenvolver um trabalho de elevado impacto social e económico junto das comunidades onde atua, através da qualificação técnica na utilização das tecnologias de informação e comunicação, da formação e promoção de agentes sociais de transformação e do estímulo e apoio ao espírito empreendedor.

O CDI Portugal tem como objetivo impactar, no primeiro ano de atividade, mais de 1200 jovens, dotando-os de competências tecnológicas, criando condições de empregabilidade apoiando em simultâneo o desenvolvimento de ideias e negócios empreendedores.

Projetos piloto em Portugal

O CDI amplia agora os seus desafios de inclusão digital iniciando operações em Portugal, com o arranque do projeto piloto no Bairro da Bela Vista, em Setúbal, numa parceria com a Cruz Vermelha, enquanto prepara já o lançamento do segundo piloto, em Vale de Cambra, Porto.

A ambição do CDI é vir a gerir, com a sua metodologia única a rede de centros de inclusão digital existente em Portugal, expandindo-a para escolas, prisões e outros locais onde a tecnologia possa reconverter e abrir novas oportunidades para os mais jovens e para as comunidades excluídas socialmente. Neste âmbito, trabalhará em parceira com a Cruz Vermelha Portuguesa, Santa Casa da Misericórdia de Lisboa e Fundação da Juventude para integrar projetos já existentes através da adoção da sua metodologia e conteúdos.

De acordo com João Baracho, Diretor Geral do CDI Portugal, “É um enorme privilégio poder liderar a entrada em Portugal de um projeto como o CDI, cujo propósito de intervenção cívica e social permitiu redefinir e orientar percursos de vida de milhares de pessoas de contextos socioeconómicos desfavorecidos, um pouco por todo o mundo. Partilhar esta missão e compromisso com um conjunto notável de parceiros, faz-me acreditar que juntos conseguiremos marcar a diferença na vida de muitas mais pessoas, contribuindo assim para aumentar os índices de inclusão e inovação social no nosso país, através da aplicação de uma metodologia inovadora.” 


Share:

Deixe o seu comentário