Carlos Gonçalves nomeado para conselho de administração da GWA

11968
2
Share:

O Avila Business Centers, empresa de aluguer de espaços de trabalho físicos chave-na-mão, coworking e escritórios virtuais, acaba de anunciar que Carlos Gonçalves, CEO desta empresa 100 por cento nacional, está nomeado para assumir um cargo de direção na prestigiada Global Workspace Association (GWA), a maior associação internacional do setor e que reúne centros de escritórios, espaços de coworking e centros de escritórios virtuais. Ao longo dos 26 anos de história, é a primeira vez que esta importante associação internacional faculta tal honra a um representante de uma empresa portuguesa.

Entre os nomeados encontram-se ainda os nomes de Isabel Garcia, representante da Global Prime Office Network do Canadá, e Adrian Garcia, responsável na mexicana IOS Offices. Os resultados da votação e a cerimónia de entrega do cargo vão decorrer no próximo dia 19 de setembro durante a 26ª Conferência Anual da GWA, que acontecerá este ano em Baltimore, nos EUA.

Sediada em solo norte-americano, mais precisamente em Irvine, no Estado da Califórnia, a Global Workspace Association reúne centenas de centros de escritórios de todo o mundo e tem sido ultimamente alvo de um destaque especial sobretudo devido à adesão de diversos espaços de coworking. Trata-se de um conceito que marca uma nova tendência no mercado e que é cada vez mais utilizado por um número cada vez maior de empresas, mais especificamente por profissionais freelancers e por empresas que se encontram ainda na sempre delicada fase de start-up.

Para Carlos Gonçalves , empreendedor de 38 anos, receber esta nomeação para o Conselho de Administração da GWA representa «uma grande honra e um enorme orgulho». O responsável mantém o espírito confiante e acredita poder dar «uma contribuição positiva à Global Workspace Association, trabalhando no sentido de ter uma visão global deste mercado que enfrenta atualmente novos desafios e um novo paradigma: A mobilidade dos profissionais e das empresas». De acordo com o CEO, «as organizações do século XXI apontam cada vez mais para a racionalização dos custos e da eficiência e, sem dúvida que os fornecedores de espaços de trabalho têm um papel de importância crescente na resposta a essas necessidades».

De acordo com a mensagem de candidatura de Carlos Gonçalves, e sendo a GWA a maior organização do setor, a associação terá uma maior influência sobre a divulgação dos novos modelos de organização empresarial, tais como o coworking, o escritório virtual e o teletrabalho. «Acredito fortemente que é muito importante reforçar a troca de experiências entre os operadores dos diversos mercados, nomeadamente o americano e o europeu, tendo em vista a adoção das “Melhores Práticas”. Todos nós procuramos uma contínua melhoria, e a minha maior motivação é a de poder contribuir com a minha experiência e know-how para o crescimento da GWA e dos seus membros.»

Esta nomeação vem também reconhecer e premiar o trabalho desenvolvido pela equipa do Avila Business Centers, com especial enfoque para os inovadores projetos como o myOffice app – a primeira aplicação mobile mundial de escritórios virtuais disponível na app Store da Apple e no Google Play. Mais recentemente, a integração do modelo de coworking no conceito tradicional de Centro de Escritórios é outro dos casos de sucesso made in Portugal, transformando o Avila Business Centers num ‘Hybrid Center’ com diversas soluções de espaço de trabalho disponíveis num só local.

Para Carlos Gonçalves, «este é ainda o resultado da política de parcerias que temos desenvolvido com empresas totalmente nacionais, nomeadamente a Swipe Twice, a Waterdog Mobile, e, mais recentemente a EDC, com quem o Avila Business Centers está a preparar uma TV online especialmente orientada para a divulgação de conteúdos nestas áreas de negócio».


Share:
Patricia Fonseca

2 comentários

Deixe uma resposta