20079 0

Canon renova patrocínio mundial com a World Press Photo

Na recente abertura da exposição da World Press Photo em Londres, a Canon assinou a renovação da sua parceria mundial com a World Press Photo Foundation, por um novo período de três anos. Este novo contrato marca também o 20º aniversário de colaboração entre as duas organizações no sentido de capacitarem os fotógrafos a contarem histórias.

Promover o fotojornalismo, apoiar os fotojornalistas

A World Press Photo, organização independente, sem fins lucrativos, foi fundada em 1955 e é universalmente reconhecida como o concurso internacional mais importante para fotojornalistas, estabelecendo um padrão para a profissão. Atraindo milhares de fotógrafos profissionais, o concurso oferece um ponto de vista exclusivo sobre as questões globais e os eventos. Além do concurso de fotografia anual, as atividades da fundação incluem a organização de um concurso anual de multimédia, programas de exposições itinerantes, estimulação do fotojornalismo através de programas educacionais e a criação de uma maior visibilidade para a criação de histórias documentais, através de uma variedade de publicações.

1992-2012: 20 anos de parceria

A Canon é parceira mundial da World Press Photo desde 1992 e, à medida que o mercado onde os fotojornalistas mostram as suas histórias continua a evoluir, o poder da imagem continua a ser tão importante e influente como antes. O relacionamento de longa data da Canon com a World Press Photo é alimentado pela paixão da Canon em habilitar os fotógrafos a contar as suas histórias. Ao unir forças, ambas as entidades ajudam a cultivar o talento dos fotojornalistas que contam histórias – histórias marcantes que podem abrir os nossos olhos e inspirar a uma maior compreensão do mundo que nos rodeia.

O Diretor da World Press Photo, Michiel Munneke, disse que: “Fomos capazes de crescer e expandir as nossas atividades nos últimos 20 anos, graças ao apoio da Canon. Apreciamos o seu contínuo compromisso com o nosso trabalho, especialmente no atual clima económico. Uma das muitas iniciativas que criámos foi o Joop Swart Masterclass e, todos os anos desde 1994, reunimos 12 jovens promissores fotógrafos com algumas das pessoas mais experientes em fotojornalismo, por forma a partilhar o seu conhecimento e experiência. Muitos dos participantes são hoje fotojornalistas e fotógrafos documentais. Temos orgulho em ter sido capazes de dar um impulso importante às suas carreiras, através das masterclasses, estimulando assim padrões elevados na prática atual e futura desta profissão. ”

James Leipnik, Diretor de Comunicação da Canon Europa, Médio Oriente e África, disse que: “As imagens são uma parte, cada vez mais importante, do jornalismo – a fotografia tem o poder incomparável de dar vida às histórias e de gerar respostas emocionais naqueles que as veem por todo o mundo. Estamos orgulhosos por poder continuar a nossa longa associação com a World Press Photo Foundation, algo que reflete a nossa paixão constante em oferecer inovação à imagem, capacitando os fotojornalistas líderes mundiais a captar e a partilhar imagens fortes “.

Para assinalar a renovação deste patrocínio, a Canon produziu para a exposição de Londres, um painel iluminado com seis metros quadrados com a foto vencedora do World Press Photo 2011, captada por Samuel Aranda, para o New York Times. A fotografia foi impressa em tecido de poliéster utilizando uma impressora Océ Arizona 550 XT, uma das impressoras de grande formato no portfólio do Grupo Canon.

 


Patricia Fonseca

Patricia Fonseca

Viciada em tecnologia, entrou para a equipa em 2012 e é responsável pela Leak Business, função que acumula com a de editora da Leak. Não dispensa o telemóvel nem o iPod e não consegue ficar sem experimentar nenhum dispositivo tecnológico.

Notícias Relacionadas

86% dos portugueses não dá importância à Internet nas compras de Natal

O Observador Cetelem quis saber qual a importância que os consumidores portugueses atribuem à pesquisa na Internet para fazer as compras de Natal. Apenas 12% dos inquiridos revela

Ericsson e Intel Security reforçam segurança nos operadores de telecomunicações

A Ericsson e a Intel Security estão a trabalhar em conjunto para disponibilizarem soluções de segurança gerida junto de operadores de telecomunicações, podendo assim oferecer estes serviços no

Estudo revela que a igualdade de género está no top of mind das empresas tecnológicas

O Estudo de Diversidade & Inclusão realizado em Portugal pela Michael Page revela que a igualdade de género está no top of mind das empresas tecnológicas quando se

Atos apoia a linedata no seu trajecto virtual e implementação da sua Cloud privada

A Atos renova contrato com a Linedata, por um novo período de cinco anos. A Linedata é uma empresa fornecedora de serviços a nível global dedicada à Gestão

Dê a sua opinião:

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *