Connect with us

Notícias

Brasil: NF-e 4.0: o que muda com a nova versão?

Bruno Fonseca

Publicado a

A Secretaria da Fazenda (SEFAZ) em parceria com o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (SEBRAE), divulgaram algumas alterações no layout da Nota Fiscal Eletrônica. A partir de agora, passa a valer o modelo NF-e 4.0 e não mais a versão 3.10, que será totalmente desativada até o dia 2 de julho de 2018.

A Nota Fiscal é um comprovante obrigatório em todo o território nacional, utilizado em transações de vendas de produtos ou serviços. Atualmente, grande parte dos municípios brasileiros já exigem a emissão da Nota Fiscal Eletrônica, com o objetivo de facilitar o processo entre os prestadores de serviço, os compradores e os órgãos públicos. Alguns de seus benefícios são: redução dos custos de impressão de papel, diminuição da sonegação de impostos, maior controle fiscal, descontos no IPTU e ICMS para o contribuinte, maior transparência no controle fiscal, dentre outras vantagens.

Há mais de três anos sem sofrer alterações, a nova atualização da NF-e foi desenvolvida com o objetivo de padronizar as emissões de Notas Fiscais, através de um ambiente de produção mais intuitivo e de fácil controle. Além disso, por meio de softwares de gestão, as empresas conseguem administrar todos os envios, tornando o processo mais seguro.

O que mudou?

O novo modelo NF-e 4.0 passou por reformulações em seu layout e em alguns campos dentro da plataforma, com o propósito de facilitar a usabilidade dos usuários. Agora, o preenchimento ficará mais simples, evitando a rejeição da nota e futuras irregularidades (quando preenchida incorretamente).

Com as alterações realizadas, locais como cEAN (GTIN do produto, antigo código EAN) e cEANTrib (GTIN da unidade tributável) deverão ser preenchidos obrigatoriamente quando o produto tiver código de barras com GTIN (identificador para itens comerciais).

Além dessas mudanças, novos campos foram criados e outros renomeados: Rastreabilidade de produto – que visa o rastreio de produtos que necessitam de regulação sanitária; Grupo Total da NF-e – local em que constará o valor dos Impostos Sobre Produtos Industrializados (IPI) e o campo Formas de Pagamento foi alterado para Informações de Pagamento. No Grupo Informações do Transporte, foram inseridas mais duas categorias de frete: transporte próprio por conta do remetente e transporte próprio por conta do destinatário.

Há também algumas novidades específicas no campo Informações de Pagamento. A partir da nova versão, será possível informar o valor do troco e a forma de pagamento utilizada pelo contribuinte, como: dinheiro, cartão de crédito/débito, cheque, vale alimentação/refeição, dentre outros.

Outra modificação realizada foi na atualização do protocolo de segurança dos dados e das emissões de NF-e. Com a versão 4.0, será autorizado apenas o protocolo TLS 1.2 ou superiores, não sendo mais possível a comunicação através do protocolo SSL.

Não deixe para a última hora!

Importante atentar-se para o prazo limite de mudança para a nova versão, pois sem a implementação não será possível emitir NFs e, consequentemente, a empresa ficará irregular com o Fisco.

O novo ambiente de homologação (somente para testes) da NF-e 4.0 está em vigor desde o dia 20 de novembro, sendo que o ambiente de produção está disponível desde o dia 4 de dezembro, contudo, a mudança neste momento ainda é facultativa. Já a desativação da versão 3.1 está muito próxima e acontecerá no dia 2 de julho de 2018. Por essa razão, é necessário realizar a migração o quanto antes, pois o antigo modelo será desativado e a partir desta data não será permitida a emissão de notas fiscais através dele.

Descomplique a emissão de NF-e

Para não correr riscos com as operações fiscais quando o novo modelo entrar em vigor definitivamente, é importante aproveitar esse período de recessos e “colocar a casa em dia”. Nessa hora é importante contar com o apoio de um software desenvolvido por parceiros especializados, que ofereçam um sistema emissor confiável e em conformidade com as novas exigências.

Para evitar transtornos, com a solução de emissão de Nota Fiscal Eletrônica do software de gestão da TECNICON, é possível realizar todo o processo de envio da NF-e 4.0 de maneira simplificada, otimizando o tempo e evitando possíveis erros de preenchimento.

Através do arquivo de XML enviado pelo fornecedor, as informações são geradas automaticamente, sem a necessidade de incluir manualmente cada item ou demais valores totais, na Nota Fiscal.

Mais informações podem ser encontradas na TECNICON através do telefone 0800 052 3502 ou através do site www.tecnicon.com.br. 

Fundador da Leak, estreou-se no online em 1999 quando criou a CDRW.co.pt. Deu os primeiros passos no mundo da tecnologia com o Spectrum 48K e nunca mais largou os computadores. É viciado em telemóveis, tablets e gadgets.

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Publicidade

Últimas Notícias

Notícias2 dias atrás

InnoWave distinguida como Parceiro do Ano Microsoft nas áreas de Data e AI

A InnoWave foi distinguida como Parceiro do Ano nas áreas de Data e AI pela Microsoft, no evento internacional Inspire...

Notícias2 dias atrás

5 vantagens da Faturação Eletrónica para as Empresas

Embora o Decreto-Lei n.º 111-B/2017 só obrigue a faturação eletrónica a partir de janeiro de 2019, no âmbito dos contratos...

Notícias2 dias atrás

Fordesi moderniza gestão de terminais multimodais da Infraestruturas de Portugal

A Fordesi implementou a sua solução IP4Log na Infraestruturas de Portugal, o que permitiu modernizar a gestão de terminais multimodais...

Notícias3 dias atrás

Bizdirect é o parceiro do ano da Microsoft Portugal em CRM

Decorre esta semana mais uma edição do Inspire, o evento anual da Microsoft Corporation dedicado ao ecossistema mundial de parceiros...

Notícias3 dias atrás

Tecnologia de reconhecimento da íris da NEC no 1º lugar nos testes do NIST

A NEC Corporation anunciou que a sua tecnologia de reconhecimento de íris alcançou a mais alta avaliação de precisão de...

Notícias3 dias atrás

QNAP completa gama NAS de 9 baías com NAS multimédia TVS-951X

Após o lançamento da série TS-932X (equipada com um CPU da AnnapurnaLabs) e da série TS-963X (equipada com um CPU da AMD), a QNAP...

Notícias4 dias atrás

Sage partilha cinco dicas para acelerar o crescimento do negócio

Existe atualmente nas empresas a necessidade constante de continuarem a reposicionar-se e a reformular as suas estratégias na procura pelo...

Notícias4 dias atrás

CGI Open Finance permite impulsionar e alargar o novo ecossistema bancário

A CGI anuncia o lançamento da CGI Open Finance, uma solução criada para a nova vaga de serviços bancários digitais...