BPI atribui Prémio de Mérito no valor de 2.850€

15136
0
Share:

A Universidade de Coimbra e a iTGROW anunciam que o Banco BPI, parceiro do programa ACERTAR O RUMO, irá atribuir um prémio de mérito ao aluno com melhor desempenho durante a fase de formação do programa que irá decorrer no ano letivo de 2014/2015.

As candidaturas para o programa ainda podem ser submetidas através do preenchimento de um formulário disponível em www.acertarorumo.pt ou, alternativamente, através do envio do CV atualizado para o email info@acertarorumo.pt.

O BPI, à semelhança do que já fez o ano passado na 1ª edição, irá atribuir um prémio de mérito ao formando que completar a componente letiva com a melhor nota do curso no valor de 2.850€.

Este programa destina-se a profissionais com curso superior em domínios com base forte de raciocínio lógico e matemático (ex. engenharias, matemática, física), que pretendam redirecionar a sua carreira para a área das TI. O ACERTAR O RUMO é um programa de formação intensiva, rigorosa, acompanhada, prática e dirigida às necessidades profissionais que é promovido sob a forma de curso não-conferente de grau pela Universidade de Coimbra. Deste modo, os promotores desta iniciativa acreditam que é possível preparar estes profissionais para que possam encontrar melhores oportunidades de emprego em Portugal contribuindo para valorizar a formação académica e profissional dos talentos portugueses.

A 2ª edição do Programa terá a duração total de 22 meses, repartidos por um período de 10 meses de formação académica e por um segundo período de 12 meses de consolidação e formação on-the-job através de um estágio profissional remunerado garantido numa das empresas aderentes ao programa.

A componente letiva de 10 meses é lecionada no Departamento de Engenharia Informática da Universidade de Coimbra e foi concebida por professores deste departamento. Este plano de formação segue de muito perto as ferramentas de desenvolvimento de software que são utilizadas no mercado de trabalho. Os docentes envolvidos na lecionação do curso têm uma grande experiência pedagógica e científica em tópicos de engenharia de software e de ensino da programação.

A formação terá um custo total para o estudante de 2.850€ a serem pagos no ato de inscrição na fase letiva do Programa. Os formandos terão à sua disposição uma linha de crédito adaptada às necessidades específicas de financiamento deste programa através do BPI, podendo recorrer a outras alternativas disponíveis no mercado.

A fase letiva da segunda edição do Acertar o Rumo terá início a 13 de Outubro de 2014, e estará direcionada para uma componente académica de programação em Java na Universidade de Coimbra. A Fase de Consolidação – Estágio Profissional remunerado terá início em Setembro de 2015, data a partir da qual cada um dos formandos é alocado a um projeto de uma das empresas aderentes, exercitando o desenvolvimento de competências num contexto real do mercado de trabalho.

O ACERTAR O RUMO, que teve uma primeira edição de grande sucesso em 2013 com mais de 250 candidatos inscritos e 20 formandos selecionados que agora terminam com êxito a fase letiva do programa, visa aumentar o nível de qualificação de profissionais na área das TI, redirecionando competências para áreas com empregabilidade. Após um ano de formação no Departamento de Engenharia Informática da Universidade de Coimbra, estes 20 alunos do curso de programação em Java vão integrar entre 1 e 15 de Setembro de 2014 os estágios profissionais nas várias empresas aderentes: AIRC, Critical Software, BPI, Novabase, Portucel Soporcel e Present Technologies.

Além da Universidade de Coimbra e da iTGROW, participam neste Programa, um relevante conjunto de empresas que se comprometem a receber nos seus projetos os alunos que tenham terminado com sucesso a fase formativa do programa, mediante a assinatura de um Protocolo de Adesão.
A primeira edição do Programa Acertar o Rumo contou com a adesão de empresas como Critical Software, BPI, Novabase, , AIRC, Grupo Portucel Soporcel, , Present Technologies que se preparam agora para acolher os formandos em regime de estágio profissional Critical Software, BPI, AIRC, Present Technologies, ISA, Bettertech, Accenture, Everis, Shortcut e ITEN são algumas das empresas que confirmaram já o seu interesse em manter-se associadas ao programa participando na componente de formação profissional da 2ª edição (Setembro de 2015).

As empresas aderentes ao ACERTAR O RUMO vão acolher, em contexto de estágio profissional, os formandos mediante o previamente acordado, garantindo as condições de remuneração (na ordem dos 750€ brutos) e um projeto com contexto propício para o desenvolvimento das competências pretendida (âmbito técnico, formação e acompanhamento adequados). Adicionalmente, e caso pretendam, estas entidades podem ainda suportar a fase formativa do curso a um ou mais formando numa lógica de contribuição social.


Share:

Deixe o seu comentário