PRIMAVERA BSS e IDC analisam Business Analytics em colóquio


shadow
Partilhe esta notícia...Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedInPin on PinterestEmail this to someone

A PRIMAVERA BSS e a IDC juntaram-se no Centro Cultural de Belém, para abordar e debater, com um painel de figuras do mundo dos negócios, soluções de gestão tecnológica otimizadas para médias e grandes empresas em Portugal.

Gabriel Coimbra, Country Manager da IDC e moderador deste debate, abriu a sessão com a abordagem à terceira plataforma, que desafia cada vez mais as empresas a transformarem-se e a reinventarem-se no âmbito digital, referindo que “na era do big data e do analytics o segredo está em conseguir tirar partido da informação para criar valor para os negócios. Só este ano prevemos que o Business Analytics atinja mais de 70 milhões de Euros, o que representa um crescimento anual de 4,9%.”

A sessão recebeu ainda, Ângela Brandão, vice-presidente da PRIMAVERA, que reforçou os objetivos da tecnológica para com os seus clientes e parceiros, “na necessidade de desenvolvimento de estratégias de gestão baseadas em maturidade Analytics, de forma a poder-se evoluir e responder aos novos desafios propostos pela era digital” e acrescentou ainda, que “a solução passa por ser standard e especializada, para diferentes ramos, podendo ser uma base à gestão de grandes volumes de dados e à tomada de decisões estratégicas”.

De seguida, foi apresentado o Case Study do Grupo FHC Farmacêutica, que utiliza um software de gestão produzido pela PRIMAVERA, integrando todos os dados e processos de informação da farmacêutica num sistema único e que segundo o seu responsável de TI, José Miguel Simões “é sem dúvida uma plataforma pilar que monitoriza e enriquece os parceiros de mecanismos de controlo, em tempo real, podendo consultar na área restrita do nosso website, todos os dados relativos às vendas dos seus produtos”.

Com o mote “A Importância do Business Analytics para as Médias e Grandes Empresas em Portugal” esta sessão terminou com um painel de discussão, entre figuras da área dos negócios e do desenvolvimento em IT como José Ribas, Diretor de Projetos IT e Desenvolvimento da Parfois, Fernando Bação, Vice-Presidente da NOVA Information Management School, Lurdes Coutinho, Diretora de Serviços da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Norte, Nuno Queirós, Diretor de Soluções da PRIMAVERA BSS e Paulo Caetano, representante do IT Governance & Business Intelligence da NOS que concluem a abordagem ao Business Analytics com base numa atitude mais experimental, adaptando o saber e conhecimento dentro das organizações para a transformação digital.

“A IDC prevê que em 2020, a nível mundial, todos os setores económicos, desde a indústria, passando pelo retalho, banca, seguros, energia, turismo, e até a saúde, serão liderados por empresas com uma forte presença na economia digital. As empresas que irão liderar serão aquelas que consigam reunir, em menos de 5 segundos, toda a informação relevante para a tomada de decisões”, concluiu Gabriel Coimbra.

 

Author

Patricia Fonseca
Patricia Fonseca

Viciada em tecnologia, entrou para a equipa em 2012 e é responsável pela Leak Business, função que acumula com a de editora da Leak. Não dispensa o telemóvel nem o iPod e não consegue ficar sem experimentar nenhum dispositivo tecnológico.

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *