27839 0

Linkcom é Parceiro do Ano da Microsoft Portugal em Small and Midsized Business (SMB)

O prémio foi atribuído na Worldwide Partner Conference (WPC) da Microsoft, o maior e mais internacional evento anual da Microsoft dirigido à sua rede de parceiros, que este ano reuniu cerca de 16 mil parceiros. De Portugal, a Microsoft levou a Toronto, no Canadá, a maior comitiva de sempre, num total de 76 pessoas de 46 empresas.

O administrador da Linkcom Pedro Quintela orgulha-se do prémio recebido, que considera ser “o resultado da aposta que temos vindo a fazer na transformação para a Cloud, pois o modelo on premises vai alterar-se num horizonte a cinco anos. A Cloud não só vem colmatar falhas de elasticidades das infraestruturas, como permite diminuir os custos de gestão e aquisição de equipamentos, tornando o investimento mais linear ao longo dos anos, isto é, mais flexível e ajustável em função da dimensão do cliente e dos picos do negócio sazonais.” Esta aposta na Cloud teve resultados muito positivos: no FY16, que agora termina, a Linkcom:

  • Foi o parceiro n.º 1 da Microsoft Portugal em vendas Cloud em SMB
  • Teve um crescimento revenue de 117% em relação ao FY anterior, dos quais:
  • 331% foram crescimento em Cloud
  •  72% foram crescimento em Cloud mix (vendas em Cloud)

A ampla experiência em projetos de Office 365, com mais de 1.500 licenças vendidas, e a formação interna e divulgação junto dos clientes de uma das mais recentes novidades da Microsoft, o EMS (Enterprise Mobility Suite), são outras das chaves do sucesso.

“Tudo isso conjugado com a aposta no novo modelo de vendas da Microsoft, o CSP (Cloud Solution Provider), que, ao aliar o licenciamento Microsoft a um portefólio de serviços complementares, nos tem permitido criar uma oferta mista mais focada na prestação de serviços e menos no fornecimento de equipamentos. E, claro, a dedicação de todas as pessoas que compõem a equipa Linkcom, quer nos projetos em que participam, quer na procura constante de alargarem as suas competências técnicas”, afirma Pedro Quintela.

No total, a Microsoft distinguiu no encontro os nove parceiros portugueses que mais se destacaram ao longo do último ano, tanto pelo nível da oferta de soluções tecnológicas inovadoras como pela performance e alinhamento estratégico demonstrados.

Os fatores decisivos para a eleição dos parceiros nacionais foram, segundo a Microsoft, “a abordagem e capacidade de resposta aos desafios e oportunidades de negócio, a par da inovação tecnológica, eficácia e impacto no ecossistema empresarial”, tendo sido também considerado o número de pessoas certificadas em tecnologias Microsoft.

“A Linkcom é um dos parceiros da Microsoft Portugal que mais tem dinamizado a transformação digital das pequenas e médias empresas portuguesas na sua migração para a Cloud, ajudando-as assim a serem bem-sucedidas num mercado cada vez mais global. A minha expectativa é que continuem este caminho e que sirvam de inspiração para outros casos de sucesso”, refere Ana Maria Lopes, diretora do Negócio de Pequenas e Médias Empresas da Microsoft Portugal.


Patricia Fonseca

Patricia Fonseca

Viciada em tecnologia, entrou para a equipa em 2012 e é responsável pela Leak Business, função que acumula com a de editora da Leak. Não dispensa o telemóvel nem o iPod e não consegue ficar sem experimentar nenhum dispositivo tecnológico.

Notícias Relacionadas

IBM anuncia abertura de candidaturas ao Prémio Científico IBM 2013

A IBM anunciou que já se encontram abertas as candidaturas ao Prémio Científico IBM 2013. Até dia 31 de Março podem concorrer jovens investigadores portugueses, ou residentes em

SISCOG Reconhecida com Estatuto PME Excelência 2015

A SISCOG foi distinguida com o Estatuto PME Excelência 2015, atribuído pelo IAPMEI (Instituto de Apoio às Pequenas e Médias Empresas e à Inovação), tendo ainda recebido o

Estudo Forbes Insights indica: governance é essencial ao sucesso do Business Intelligence

A Qlik e a Forbes Insights acabam de lançar os resultados da pesquisa “Breakthrough Business Intelligence: How Stronger Governance Becomes a Force for Enablement”, um estudo global no qual

Candidaturas em tecnologia e inovação terminam a 31 de outubro

Até às 23h59 de quinta-feira dia 31 de outubro decorrem as candidaturas ao prémio Fundação Altran para a Inovação 2013 e a competição nacional é dedicada ao tema

Dê a sua opinião:

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *