Entrevista: Hugo Pizarro, partner da AMT Consulting


shadow
Partilhe esta notícia...Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedInPin on PinterestEmail this to someone

A AMT é uma empresa focada na oferta de soluções para o mercado dos recursos humanos, financeiro e logístico que atingiu recentemente o estatuto de SAP Gold Partner. A Leak Business esteve à conversa com Hugo Pizarro, partner da AMT que nos explicou algumas das mais valias desta empresa face à concorrência, a relação com a SAP e como é possível agilizar-se as organizações na área de recursos humanos.

Patrícia Fonseca – Pode descrever a AMT? Quais as mais-valias das tecnologias da empresa face à concorrência?

Hugo Pizarro – A AMT é uma empresa de Base Tecnológica, focada na oferta de soluções para o mercado dos Recursos Humanos, Financeiro e Logistico.

Com 10 anos de atividade, atingiu recentemente o estatuto de SAP Gold Partner, muito fruito da sua especialização nas soluções Cloud, nomeadamente a Solução SAP SuccessFactors para o mercado da Gestão de Talento. A diferenciação advém do elevado nível de expertise que detém em todas as áreas de Recursos Humanos, desde a componente de Cadastro e vencimentos até às componentes de Avaliação de Desempenho, Gestão da Formação, Recrutamento, desenvolvimento de carreiras e Planos de sucessão.

É esse expertise de nicho, que estamos a construir na oferta da área de Consultoria Financeira e na de Logistica mais nas componentes de “Procurement”.

Por fim uma das mais valias que consideramos ter ao nível diferenciador, é o nosso laboratório de investigação e desenvolvimento sediado na UPTEC no Porto, enquadrado na FEUP, onde desde o inicio da AMT, tem sido um investimento útil no acompanhar da mudança tecnológica que ocorre todos os dias, com projetos de investigação ligados à inovação de soluções para a gestão empresarial.

P.F. – Como iniciou a vossa relação com a SAP e o que levou a empresa a apostar tão intensamente em SuccessFactors numa fase tão inicial?

H.P. – A relação com a SAP, vem desde o inicio da criação da empresa. Sempre apostamos em tecnologia SAP, referencia mundial ao nível do software de gestão. O foco da AMT em RH, que tem pautado os 10 anos de existência, ajudou-nos em 2013, ao olhamos para a solução SAP SuccessFactors, percebemos que era uma solução que mudava o paradigma no que concerne à gestão do capital humano. Conhecemos bem o mercado RH e em Portugal faltavam soluções que permitissem a descentralização do processo RH, soluções de mobilidade RH, que permitissem o envolvimento dos colaboradores e que alinhassem os objetivos das organizações com os objetivos individuais de cada colaborador. Vimos que com SuccessFactors podíamos trazer essa oferta aos nosso clientes. Hoje passados 3 anos confirmamos as nossas expectativas.

P.F. – Quais as principais tecnologias a ser implementadas na área de recursos humanos? Como podem a agilizar as empresas?

H.P. – A tecnologia usual no passado, era naturalmente a área de Cadastro de Vencimentos, com a respetiva componente legal e de reportes, por um lado e por outro a automatização dos processos administrativos de RH. Costumamos dizer na AMT, era o RH 1.0.

Nos últimos anos, assistimos ao que chamamos o RH 2.0, ou seja, com a perceção da importância da retenção de talento, a identificação do TOP performers e também a identificação do “não talento” passou para a agenda dos responsáveis RH. A automação dos processos internos do departamento RH esta estabilizada, agora importa levar os processo RH a cada colaborador, envolver os colaboradores na estratégia global da empresa, desenvolver o colaborador e considera-lo finalmente um ativo da empresa.

Assim ás áreas de Gestão do desempenho, da Gestão da Formação e do Desenvolvimento de Carreiras em conjunto com os Planos de sucessão estão na ordem do dia em termos de necessidades RH das organizações.

P.F. – Além de implementação SAP, quais as outras áreas em que apostam?

H.P. – Fundamentalmente apostamos em soluções SAP. Até ao momento sentimos que no portfolio alargado das soluções SAP, conseguimos satisfazer a procura de mercado. Estamos no momento a alargar o nosso próprio Portfolio. Começámos no final de 2015 a investir em áreas fora do RH, das quais destacamos a forte aposta em CRM da SAP, o C4C, e estamos neste momento a investir na área de Procurement e Financial igualmente. Contudo qualquer investimento e conhecimento e novos produtos e soluções passarão sempre por soluções Cloud.

Adicionalmente estamos a construir uma oferta de serviço de desenho de processos, baseado em metodologias de “Design Thinking”, para complementar a nossa oferta ao nível Tecnologico.

P.F. – Como tem sido a faturação da empresa? têm crescido? Quais os motivos que levaram a esse crescimento no seu entender?

H.P. – Em 2015 fechamos com 3,5 milhões de euros, com um crescimento acima dos dois dígitos. O crescimento deveu-se sobretudo à nossa aposta Cloud nos RH, bem como no alargamento de competências ao nível das soluções de Logistica e Financeira.

P.F. – Quais os próximos passos da marca? Onde se veem dentro de 3 a 5 anos?

H.P. – Claramente no mercado tecnológico, visão acima de 3 anos é utopia. Claramente queremos estar na oferta Cloud de soluções de Gestão empresarial, no reforço da investigação e inovações do nosso AMT Labs, mas mantendo sempre os níveis de qualidade de entrega que até hoje tem recebido o reconhecimento dos nossos cliente.

Pode obter mais informações acerca da AMT Consulting aqui.

Author

Patricia Fonseca
Patricia Fonseca

Viciada em tecnologia, entrou para a equipa em 2012 e é responsável pela Leak Business, função que acumula com a de editora da Leak. Não dispensa o telemóvel nem o iPod e não consegue ficar sem experimentar nenhum dispositivo tecnológico.

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *