22019 0

CIONET divulga as seis tendências que irão marcar a transformação digital na saúde nos próximos 10 anos

A CIONET apresentou hoje as seis tendências que vão marcar a transformação digital na saúde nos próximos 10 anos.

De acordo com dados reunidos pela comunidade, vários estudos indicam que dentro de dez anos 75% dos pacientes estejam a utilizar serviços de saúde digitais – a transformação digital. Também designada por “quarta revolução industrial”, é uma revolução silenciosa que progressivamente afeta todos os setores da indústria, e não é exceção a área da saúde. Com base nesta macrotendência de fundo e em recolha de dados primários da rede, a CIONET identificou 6 tendências de inovação que irão marcar o futuro próximo do setor da saúde, o qual caminha a passos largos para a digitalização integral que atingirá tanto os profissionais de saúde como os pacientes, tanto no setor privado como no público.

As tendências identificadas deverão ter maior projeção a partir de 2020, e inserem-se no âmbito de quatro grandes temáticas: a gestão do bem-estar, o acesso a cuidados de saúde, ao nível das doenças crónicas e ao nível da gestão da doença.

Visita Digital e Telemedicina: esta tendência irá permitir visitas 100% remotas, monitorização contínua do paciente, auto monitorização e consultas interativas, com benefícios óbvios ao nível do empowerement do paciente, redução de custos e facilidade de acesso a cuidados de saúde.

IoT e Saúde Remota: a IoT terá um impacto muito positivo na medida em que facilita a adesão dos pacientes ao tratamento, permite a deteção inicial de complicações e permite um tratamento e medicação (e.g., dosagem) ajustado em tempo real.

Saúde Móvel: a saúde móvel aportará um conjunto significativo de vantagens, designadamente: maior precisão de dados e acesso à informação, aumento de produtividade dos clínicos, melhor comunicação entre profissionais de saúde e pacientes, diminuição de erros médicos e melhor qualidade do serviço prestado.

Saúde Conectada: Com uma conexão integral de todos os interlocutores, é possível uma maior precisão dos resultados, enfoque na prevenção, minimização da utilização de serviços desnecessários e maximização da independência dos pacientes.

Envolvimento do Paciente: a utilização de tecnologias promotoras do envolvimento do paciente irá desenvolver-se a diferentes níveis: educação do paciente (maximizar escolhas inteligentes e diminuir desperdício de tempo), portais (interações virtuais paciente-médico, paciente-paciente e médico-médico) e feedback do paciente (surveys e outras ferramentas de IT).

Inteligência Clínica: Os hospitais assistem a um crescimento exponencial do volume de dados aumentando a necessidade de uma melhor inteligência de negócios clínica e análises clínicas, nomeadamente, implementação de rotinas e automatismos, intensificação da comunicação/inteligência de negócios, otimização do fluxo de dados entre os bancos de dados e aumento da especificidade/sensibilidade da análise clinica.


Patricia Fonseca

Patricia Fonseca

Viciada em tecnologia, entrou para a equipa em 2012 e é responsável pela Leak Business, função que acumula com a de editora da Leak. Não dispensa o telemóvel nem o iPod e não consegue ficar sem experimentar nenhum dispositivo tecnológico.

Notícias Relacionadas

WSIS é o novo Concessionário Xerox para o Distrito da Guarda

A Xerox Portugal aumentou a sua rede de parceiros com um novo Concessionário Autorizado no distrito da Guarda. A WSIS – Tecnologias e Sistemas de Informática, vem optimizar o

IBM e KPMG anunciam acordo para utilização da tecnologia cognitiva do IBM Watson

A KPMG LLP e a IBM anunciaram um acordo que visa aplicar a tecnologia de computação cognitiva do IBM Watson às ofertas e serviços da KPMG. Com especial

Cilnet com distinção “Capital Partner of The Year 2016” da Cisco

A Cilnet recebeu a distinção “Capital Partner of the Year” para a região do Sul da Europa, atribuído pela Cisco no Cisco Partner Summit 2016, que se realizou

20 Pessoas por dia foram apoiadas pela Siemens em Portugal em 2016

Em 2016, no âmbito das atividades de responsabilidade corporativa da Siemens em Portugal, foram desenvolvidas ações com o objetivo de apoiar instituições como a Novo Futuro, Serve the

Dê a sua opinião:

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *