Atos compra Unify em definitivo à Gores Group e Siemens


shadow
Partilhe esta notícia...Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedInPin on PinterestEmail this to someone

A Atos acaba de anunciar que completou a aquisição da Unify ao Gores Group e à Siemens. A Unify é a terceira mais valiosa empresa em todo o mundo em Soluções de Comunicação Integrada (Integrated Communication Solutions) gerando anualmente um lucro de 1.2 mil milhões de euros. Esta aquisição vai permitir o desenvolvimento de uma Proposta Única e Integrada de Comunicações Unificadas (Unified Communications), que irá melhorar a colaboração social, a transformação digital e performance de negócio dos clientes.

A transacção já teve o aval positivo por parte dos representantes dos trabalhadores, assim como a necessária aprovação das autoridades reguladoras da União Europeia, Estados Unidos, Rússia e Brasil. Em termos de valores a Atos avançou com 366 milhões de euros para a aquisição de 100% da Unify, aos quais juntou mais 48 milhões de divida líquida (no encerramento das negociações), e ainda 176 milhões de deficit de pensões, o que resultou num valor final de 590 milhões de euros, conforme o anunciado em Novembro de 2015, no momento da assinatura do acordo.

Com a redução de custos, a Unify espera gerar uma economia de 130 milhões de euros por ano já a partir de 2017, estando para isso a finalizar a integração de um plano de reestruturação avaliado em 267 milhões de euros. Para além desta reestruturação, a Unify está a levar a cabo uma outra iniciada por si e estimada em 103 milhões de euros. Ambos os planos são financiados pelos seus vendedores.

A partir de dia 1 de Fevereiro de 2016, todos os serviços e actividades da Unify estarão integrados na linha de “Managed Services” da Atos.

Author

Patricia Fonseca
Patricia Fonseca

Viciada em tecnologia, entrou para a equipa em 2012 e é responsável pela Leak Business, função que acumula com a de editora da Leak. Não dispensa o telemóvel nem o iPod e não consegue ficar sem experimentar nenhum dispositivo tecnológico.

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *