22795 0

Acer revela resultados financeiros para Q1 2016

O conselho de administração da Acer aprovou os resultados financeiros para o primeiro trimestre de 2016, com receitas consolidadas de NT$56,32 mil milhões (US$1,74 mil milhões), lucro operacional de NT$866 milhões (US$ 26,84 milhões), lucro líquido (ou lucro depois dos impostos) de NT$46 milhões (US$1,43 milhões), o que se refletiu em perdas de cerca de NT$900 milhões (US$28 milhões) no mercado de câmbio e lucro por ação (EPS) de NT $0,02.

A Acer reportou um lucro bruto de NT$6,67 mil milhões (US$206,65 milhões), com margem de 11,8% e lucro operacional de NT$866 milhões (US$26,84 milhões), um aumento de NT$562 milhões (US$17,42 milhões) face ao mesmo período no ano passado, apesar do declínio das receitas consolidadas.

Os resultados refletem a eficaz estratégia de produto da Acer de acordo com as necessidades do mercado regional e gestão de inventário.

A Acer vai reunir-se com os seus acionistas a 24 de junho, em Taipei.


Patricia Fonseca

Patricia Fonseca

Viciada em tecnologia, entrou para a equipa em 2012 e é responsável pela Leak Business, função que acumula com a de editora da Leak. Não dispensa o telemóvel nem o iPod e não consegue ficar sem experimentar nenhum dispositivo tecnológico.

Notícias Relacionadas

Advogados portugueses com nova solução para gestão documental

A Keep It Safe IT e a Ordem dos Advogados, acabam de assinar um protocolo de colaboração para aumentar a eficácia na gestão documental e nos processos de

IFS adquire a VisionWaves

A  IFS anuncia  que  fechou  o  acordo  para aquisição da  VisionWaves  B.V.  (“VisionWaves”)  junto  dos  accionistas  desta  entidade.  Este  acordo,  que será pago em numerário,  será para a

Science4you alcança 20.000 pontos de venda na Europa

A Science4you acaba de alcançar a presença em 20.000 pontos de venda em toda a Europa, ao fechar um acordo de distribuição com a Hamleys, no Reino Unido, para

António Carrapatoso diz adeus à Vodafone

António Carrapatoso encerra em 31 de Dezembro de 2014 o mandato de Chairman da Vodafone Portugal (Presidente não executivo do Conselho de Administração), funções que exercia desde 2009,

Dê a sua opinião:

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *