29876 0

Estudo IBM: Clouds Híbridas promovem mais vantagens competitivas e inovação nas empresas

O estudo Growing up Hybrid: Accelerating digital transformation da IBM concluiu que dois terços das empresas que implementaram clouds híbridas garantem estar já a ganhar vantagens competitivas a partir desses ambientes e, por outro lado, são três vezes mais propensas a tirar partido das características dos modelos híbridos para rentabilizar os dados que possuem ou mesmo para criar novos ativos.

Com esta abordagem de cloud híbrida, as empresas podem ser seletivas e escolher quando usar a cloud ou a tradicional infraestrutura de TI, tirando partido das melhores funcionalidades de cada opção, dependendo de requisitos específicos como a velocidade e a flexibilidade dos ambientes híbridos, ou a resiliência, a segurança e as exigências regulamentares da sua infraestrutura.

Para este estudo global na área da cloud, a IBM entrevistou 500 empresas que já implementaram ambientes de cloud híbrida, de 13 países e 23 indústrias diferentes, tendo identificado um grupo líder de organizações – 26% dos entrevistados – que está a ganhar vantagens competitivas através da cloud híbrida e a conseguir gerir o seu ambiente de uma forma integrada para um maior controlo e visibilidade.

Além disso, o estudo conclui que estes líderes estão a usar a cloud híbrida para promover as suas iniciativas de “próxima geração”. Ou seja, as empresas deste grupo são quase três vezes mais propensas a usar a cloud híbrida para a promoção de novas ideias e têm cinco vezes mais probabilidade de estarem a usar este ambiente para tirar partido da computação cognitiva (por exemplo, inteligência preditiva e capacidades de machine learning). Finalmente, mais de um terço desses empresas já usa a cloud híbrida para promover a Internet das Coisas.

Mais conclusões com base nas respostas deste grupo sobre a implementação da cloud híbrida:

  • 9 em cada 10 executivos garantem que a cloud híbrida é crucial para a sua estratégia de negócio e para o sucesso da empresa;
  • 85% dos líderes dizem que uma abordagem híbrida está a acelerar a transformação digital na sua organização;
  • 8 em cada 10 executivos acreditam que a cloud híbrida ajuda a tornar mais clara a utilização das TI dentro da empresa;
  • 85% dos líderes acreditam que os ambientes híbridos promovem uma maior colaboração entre a linha de TI e a linha de Negócio;
  • 8 em cada 10 líderes estão a melhorar a segurança e a reduzir o risco com ambientes híbridos.

“Vivemos num mundo onde as empresas devem tirar partido de todos os seus recursos para terem sucesso e disponibilizarem serviços e aplicações no modelo as a service, independentemente de terem cloud pública ou privada, ou apenas a infraestrutura de TI tradicional”, sublinhou Laura Sanders, IBM GTS General Manager, Systems Services. “Não é  surpresa, por isso, que os clientes estejam a reconhecer maior valor a partir de ambientes híbridos na obtenção de resultados de negócio e na transformação das suas empresas. É um saldo positivo de otimização, agregando flexibilidade e agilidade. O nosso objetivo continua a ser ajudar os clientes a alavancar esses recursos híbridos de forma confiável e segura.”

Para mais informações sobre o estudo aqui


Patricia Fonseca

Patricia Fonseca

Viciada em tecnologia, entrou para a equipa em 2012 e é responsável pela Leak Business, função que acumula com a de editora da Leak. Não dispensa o telemóvel nem o iPod e não consegue ficar sem experimentar nenhum dispositivo tecnológico.

Notícias Relacionadas

Ericsson aceita o desafio “24h de Gestão de Projetos”

A Ericsson vai estar representada por uma equipa de colaboradores na iniciativa “24h de Gestão de Projetos”, que decorre no ISEG, nos dias 18 e 19 de Outubro.

Edigma responde ao presente e prepara futuro com PHC

A Edigma implementou o PHC Enterprise CS, com os módulos PHC Gestão, PHC Interop, PHC Imobilizado, PHC Pessoal, PHC Contabilidade, PHC TeamControl, PHC ControlDoc, PHC Intrastat, PHC CRM, PHC

Tecnologia EDI implementada na cadeia H3, simplifica e acelera a transação de documentos de negócio

A Generix Group foi escolhida pela cadeia de hambúrgueres H3 – criada em 2007, sob o lema “Not so fast food”, e que conta atualmente com 47 lojas

Receitas do Grupo Exclusive crescem 300 milhões de euros em 2014

O Exclusive Group ultrapassou as expectativas ao apresentar receitas de 627 milhões de euros em 2014. Os serviços de valor acrescentado da empresa expandiram não só a sua

Dê a sua opinião:

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *