22601 0

Estudo Cetelem revela que os Portugueses prontos para comprar Google Car ou Apple Car

No seu mais recente estudo, o Observador Cetelem questionou os portugueses se estariam prontos para comprar um automóvel como o Google Car ou Apple Car e a resposta foi afirmativa. Cerca de 61% dos automobilistas manifestam vontade em adquirir uma viatura de uma ou outra marca, uma percentagem superior à média dos 15 países analisados (55%). Entre os europeus, os portugueses são mesmo dos que mais manifestam interesse nestes veículos, sendo apenas ultrapassados pelos italianos (66%).

É nos países emergentes que se verifica um maior entusiasmo com os automóveis de Silicon Valley, especialmente na China, onde 9 em cada 10 automobilistas dizem-se prontos a comprar um veículo concebido pela Google ou pela Apple. Noutros países em desenvolvimento, como o México e o Brasil, o interesse também é visível: 8 em cada 10 estão interessados em adquirir uma destas viaturas.

Na Europa, onde os construtores de automóveis tradicionais estão bem estabelecidos e são reconhecidos, o entusiasmo com os carros construídos pelos gigantes tecnológicos é um pouco mais contido. Cerca de 48% dos automobilistas europeus afirmam-se atraídos pelo Google Car ou pelo seu equipamento equivalente da Apple. Os portugueses estão aqui em destaque, uma vez que a percentagem de automobilistas interessados nestes novos veículos chega aos 61%.

Curiosamente, os Estados Unidos, berço de Silicon Valley, apresentam a menor intenção de compra de Google Car e Apple Car. Somente 27% dos condutores americanos admitem ter interesse em adquirir um dos dois modelos. No Japão, o cenário é semelhante com apenas 37% dos automobilistas interessados.

«Os portugueses não só estão prontos para confiar nas viaturas concebidas pelos gigantes tecnológicos, como a Apple e a Google, como são dos mais entusiastas, especialmente entre os europeus. Portugal destaca-se ainda mais quando comparado com países com forte tradição na construção de automóveis, como a França e a Alemanha», explica Diogo Lopes Pereira, diretor de marketing do Cetelem.

As análises económicas e de marketing, bem como as previsões foram efetuadas em colaboração com a empresa de estudos e consultoria BIPE (www.bipe.com). Os inquéritos de campo ao consumidor foram conduzidos pela TNS Sofres, durante o mês de julho de 2015, em quinze países (África do Sul, Alemanha, Bélgica, Brasil, China, Espanha, Estados Unidos, França, Itália, Japão, México, Polónia, Portugal, Reino Unido e Turquia). No total, foram questionados mais de 8.500 proprietários de ma viatura adquirida nos últimos cinco anos.


Patricia Fonseca

Patricia Fonseca

Viciada em tecnologia, entrou para a equipa em 2012 e é responsável pela Leak Business, função que acumula com a de editora da Leak. Não dispensa o telemóvel nem o iPod e não consegue ficar sem experimentar nenhum dispositivo tecnológico.

Notícias Relacionadas

Luapharma inaugura terceira loja de ortopedia em Lisboa

No Centro Comercial de Alvalade, o mais recente espaço comercial da capital, abriu a Ortopedia de Alvalade uma loja de artigos de ortopedia, conforto e prestação de cuidados

Frost & Sullivan reconhece Business Discovery QlikView

A QlikTech anunciou que a Frost & Sullivan galardoou a plataforma Business Discovery QlikView com o Prémio de Otimização do Valor ao Cliente de 2013. Este prémio é

Axpo lança conceito “Ligação Inteligente” para as PME

O conceito “Ligação Inteligente” responde a uma estratégia da Axpo Iberia, desenhada especificamente para pequenas e médias empresas (PME), que oferece uma nova plataforma de serviços orientados para

Colaboração entre polícia holandesa e Kaspersky Lab leva à prisão de suspeitos pelo ransomware CoinVault

Na passada segunda-feira (14 de setembro), a polícia holandesa prendeu dois homens (de 18 e 22 anos, respectivamente) em Amersfoort, na Holanda, por suspeita de envolvimento nos ataques

Dê a sua opinião:

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *